Fortaleza/CE: Guilherme Sampaio faz balanço da situação do país após um ano de afastamento de Dilma Roussef

Vereador é líder do PT na Câmara Municipal. Foto: Genilson Lima.

Pelo tempo do Grande Expediente, na sessão ordinária desta terça-feira, 18, o vereador Guilherme Sampaio (PT) fez um balanço do país após um ano do afastamento de Dilma Roussef (PT), afastada da Presidência da República após sofrer um processo de Impeachment. Segundo o vereador, a situação do país se agravou com as medidas adotadas pelo atual governo.

“Nós passamos por um processo de usurpação do poder. Hoje isso pode ser comprovado com clareza quando o próprio golpista Temer afirmou em entrevista que a razão do Impeachment foi o posicionamento contrário do Partido dos Trabalhadores contra o ex-deputado Eduardo Cunha no Conselho de Ética. Chega a expor com naturalidade que se os parlamentares do PT tivessem votado em Eduardo Cunha para o Conselho de Ética, Dilma ainda estaria no exercício do seu mandato.”, ressaltou.

Segundo o parlamentar, o processo de impeachment não foi legítimo e usurpou o direito ao voto daqueles que democraticamente elegeram Dilma como presidente do Brasil. “Se apropriaram e usurparam o poder concedido pelo povo. A usurpação do voto é grave, pois não houve justificativa plausível para o afastamento de Dilma.”, ressaltou.

Guilherme destacou as consequências para o país diante da mudança de governo. “Essa usurpação do poder teve como consequência a destruição da economia, a retirada de direitos sociais elementares, como o direito de aposentar após uma vida de trabalho, como o direito de uma de ter uma relação digna e não precarizada e terceirizada de emprego. Se utiliza das mais estapafúrdias estratégias para sustentar o modus operandi da estrutura de governo e isso precisa ser derrotado.”, pontuou.

O parlamentar apresentou um vídeo no qual demonstra notícias veiculadas desde a abertura do processo de impeachment até as mudanças impostas pelo atual governo, como a reforma do Ensino Médio, a Reforma Trabalhista, a Reforma da Previdência, a Lei da Terceirização e o fim do programa Ciências Sem Fronteiras. Segundo Guilherme,  é preciso reconstruir a política nacional. “ Precisamos liderar a sociedade brasileira para um processo de reconstrução do cenário político nacional e as pesquisas demonstram que ainda há esperança para o país.”, frisou.

 

Assessoria de Imprensa
Anna Regadas
Fone: +55 85 3444.8304
Instagram: @cmfoficial
Twitter: @camaracmf
Facebook: http://www.facebook.com/cmfor/

Fonte Oficial: http://wp.cmfor.ce.gov.br/cmfor/guilherme-sampaio-faz-balanco-da-situacao-do-pais-apos-um-ano-de-afastamento-de-dilma-roussef/.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Vereadores debatem temas ligados à saúde, meio ambiente e desestatização

Sessão Plenária desta terça-feira (22/10) MARCO ANTONIO CALEJODA REDAÇÃO Na tarde desta terça-feira (22/10), durante …