Mais Mulheres no Direito homenageará ministra Luciana Lóssio nesta quinta-feira (4) — Tribunal Superior Eleitoral

O movimento Mais Mulheres no Direito homenageará, nesta quinta-feira (4), a ministra do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Luciana Lóssio por seu trabalho em defesa de maior espaço para as mulheres na política e por sua exitosa atuação na Corte Eleitoral ao longo de quase seis anos. A homenagem ocorrerá no Salão Nobre, localizado no primeiro subsolo do TSE, logo após a ministra Luciana Lóssio participar pela manhã da última sessão plenária como ministra titular no Tribunal. A ministra terminará seu segundo biênio como integrante efetiva da Corte nesta sexta-feira (5).

Cerca de 30 mulheres de todo o país, que compõem o grupo, estarão em Brasília para reconhecer o empenho da ministra em favor da causa feminina e do incentivo a uma maior participação da mulher na política.

Na ocasião, a ministra Luciana Lóssio receberá uma escultura do artista plástico Giuseppe Bosica, que será entregue pela vice-governadora do Piauí, Margarete de Castro Coelho.

Avanço

A ministra costuma afirmar que, atualmente, é cada vez mais comum o assunto ser discutido em rodas de amigos e familiares, o que contribui para uma reflexão das pessoas sobre o tema, que estimula o empoderamento feminino também na política.

Trajetória

Antes de se tornar ministra do TSE, Luciana Lóssio foi advogada na área do direito eleitoral. É membro do Instituto Brasileiro de Direito Eleitoral (Ibrade). Atuou por sete anos, de 1999 a 2006, na Procuradoria-Geral da República. Por conta da desigualdade de gênero no poder, a ministra dedicou boa parte de sua participação no TSE, além dos votos que proferiu individualmente ou em Plenário, em iniciativas para aumentar o envolvimento das mulheres na política.

RC/EM

Fonte Oficial: http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2017/Maio/mais-mulheres-no-direito-homenageara-ministra-luciana-lossio-nesta-quinta-feira-4.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Confira Também

Conexão: canal oficial do TSE no WhatsApp supera a marca de 80 mil inscritos

Tribunal passou a utilizar a nova ferramenta em setembro de 2023 O canal oficial do …