Autoridades comentam posse do ministro Tarcisio Vieira — Tribunal Superior Eleitoral

Integrantes dos Três Poderes da República, do Ministério Público, da advocacia, familiares, servidores e jornalistas compareceram, nesta terça-feira (9), à sessão solene em que o advogado Tarcisio Vieira de Carvalho Neto tomou posse no cargo de ministro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Após a cerimônia de posse, o ministro recebeu os cumprimentos dos convidados no foyer próximo ao Plenário da Corte. Na ocasião, autoridades falaram com a imprensa sobre a trajetória profissional do novo ministro titular do TSE na classe dos advogados.

O vice-presidente da Corte, ministro Luiz Fux, disse que a posse do ministro Tarcisio como efetivo “consolida a atuação dele no Tribunal como um homem exemplar em matéria de conhecimento, probidade, competência”. “Enfim, é um ganho muito significativo para o Tribunal Superior Eleitoral, e eu vou ter o prazer de presidir o Tribunal dentro em breve com a presença dele. Então, pra mim a festa é dupla”, destacou.

Corregedor-geral da Justiça Eleitoral, o ministro Herman Benjamin disse que a posse do ministro “é um ganho para o Tribunal, porque o ministro não é apenas um jurista da área do Direito Eleitoral, mas é, sobretudo, alguém que é conhecido pela sua forte estrutura ética. E nós sabemos que um juiz que conhece muito o Direito, mas que fraqueja quando é necessário, não é exatamente um bom juiz.”

Já para o colega da classe dos juristas, ministro Admar Gonzaga, a posse de Tarcisio “é um dia de festa para o Tribunal”. “Ele traz uma experiência enorme da sua atuação brilhante, como advogado e também depois como juiz auxiliar que foi, junto comigo na última campanha presidencial. Além disso, é uma pessoa afeita ao colegiado, é um bom companheiro, uma pessoa cordata e tem todos os elementos e condições pessoais e morais para ocupar o cargo para o qual foi felizmente indicado. Ganha o Brasil, ganha a Justiça Eleitoral”.

Para a ex-ministra do TSE Luciana Lóssio, o Tribunal “ganha um grande ministro”. “O ministro Tarcisio já deu provas durante as Eleições de 2014, como ministro substituto, como ministro da propaganda, da sua competência, da sua dedicação, da sua capacidade de ser um grande julgador. Penso que o jurisdicionado estará em ótimas mãos”, afirmou.

Nicolau Dino, vice-procurador-geral eleitoral, disse que a Justiça Eleitoral ganha com a posse do ministro no cargo, “com a experiência e capacidade profissional”. “Tenho certeza que será feito um grande trabalho, que repercutirá em beneficio da sociedade brasileira como um todo”, ressaltou.

O ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) Ayres Britto exaltou a importância das qualidades do ministro empossado para a condução do cargo. “Tarcisio é talhado para a magistratura eleitoral. É sereno, sensato, sensível e todas as virtudes que começam com a letra ‘s’, e sábio também. O ministro é centrado. Portanto, vai desempenhar esse cargo central com muita competência”, disse.

“Um reconhecimento a uma trajetória de vida, alguém que tem uma história no TSE. Tenho a convicção de que ele saberá honrar a toga e acima de tudo contribuirá e muito para o Tribunal Superior Eleitoral com o preparo intelectual que tem”, disse o presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claudio Lamachia.

Tarcisio Vieira assumiu a vaga dos juristas deixada pela ministra Luciana Lóssio, que terminou o seu segundo biênio como integrante titular da Corte Eleitoral em 5 de maio deste ano.

O ministro falou sobre os desafios que o TSE tem pela frente. “É uma honra muito grande ter sido escolhido pela listra tríplice pelo Supremo Tribunal Federal e depois ter sido escolhido pela Presidência da República, uma quadra desafiadora. E nós esperamos estar à altura desses desafios ”, disse o ministro Tarcisio Vieira.

RC, LC, EM

 

 

Fonte Oficial: http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2017/Maio/autoridades-comentam-posse-do-ministro-tarcisio-vieira.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Confira Também

Conexão: canal oficial do TSE no WhatsApp supera a marca de 80 mil inscritos

Tribunal passou a utilizar a nova ferramenta em setembro de 2023 O canal oficial do …