Ministra Rosa Weber determina execução imediata de decisão que cassou governador do Amazonas — Tribunal Superior Eleitoral

A ministra do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, deferiu o pedido de execução de julgado apresentado por Carlos Eduardo de Souza Braga relativo à decisão do Plenário da Corte que cassou os diplomas de José Melo de Oliveira e José Henrique Oliveira, governador e vice-governador do Amazonas, respectivamente. Eles foram condenados pelo colegiado do TSE, na sessão jurisdicional da última quinta-feira (4), por captação ilícita de sufrágio. Na ocasião, os ministros determinaram a comunicação imediata ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) para que sejam realizadas novas eleições diretas para os cargos.

“Renove-se a comunicação ao TRE [do Amazonas] para a execução imediata do julgado, independentemente da publicação do acórdão, conforme decidido pelo Pleno do TSE, com remessa de cópias da presente decisão, da petição ID 113041 e documentos que a acompanham, bem como das notas orais do referido julgamento”, determinou a ministra, ao reforçar que a execução seja cumprida com urgência.

TRE-AM

Ao dar cumprimento ao que foi determinado pelo Pleno do TSE, o TRE-AM notificou, nesta terça-feira (9), o presidente da Assembleia Legislativa do estado, deputado David Almeida, para que assuma, interinamente, o governo amazonense.

No documento, assinado pelo presidente do regional, o desembargador Yedo Simões cita o art. 51, parágrafo único, da Constituição do Estado do Amazonas, segundo o qual, “em caso de impedimento do governador do estado e do vice-governador, ou vacância dos respectivos cargos, serão sucessivamente chamados ao exercício da chefia do Poder Executivo o presidente da Assembleia Legislativa e o do Tribunal de Justiça”.

JP/LC, com informações da Assessoria de Comunicação Social do TRE-AM

Processos relacionados:RO 224661 e PET 0601930-05.2017

Fonte Oficial: http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2017/Maio/ministra-rosa-weber-determina-execucao-imediata-de-decisao-que-cassou-governador-do-amazonas.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Confira Também

TSE inicia análise das resoluções das Eleições 2024 nesta terça-feira (27) — Tribunal Superior Eleitoral

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começa, nesta terça-feira (27), a partir das 19h, mais uma …