Curitiba/PR: FAS inaugura espaço para acolhimento de adolescentes no Alto Boqueirão

A presidente da Fundação de Ação Social (FAS), Larissa Tissot, inaugurou nesta segunda-feira (15/5) a Casa do Piá IV, unidade de acolhimento que atende meninos de 14 a 18 anos incompletos que estão afastados das famílias e sob medida de proteção. O equipamento fica no Alto Boqueirão e tem capacidade para acolher 15 pessoas.

“Nesta unidade os adolescentes têm a garantia da acolhida, educação, saúde, esporte. É um projeto de sonho e de futuro, pois oferece a esses meninos a oportunidade de desenvolver potencialidades e de traçar uma vida digna e com autonomia”, disse.

A ampliação do atendimento e da qualidade dos serviços ofertados às pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade e risco social é uma determinação do prefeito Rafael Greca.

Serviço

As unidades de acolhimento institucional são abrigos para crianças e adolescentes que precisam ficar sob medida de proteção, pois suas famílias estão temporariamente impossibilitadas de lhes prestar cuidados e proteção. Entre os abrigados estão vítimas de violência; pessoas que tiveram direitos violados ou ameaçados, por motivo de abandono, maus-tratos ou negligência; ou aquelas que tiveram os vínculos familiares ou comunitários interrompidos.

Todas as pessoas acolhidas nesses espaços são encaminhadas pelos Conselhos Tutelares e pela Vara da Infância e da Juventude. Nas unidades de acolhimento, as crianças e os adolescentes são recebidos temporariamente, com a garantia de privacidade, respeito aos costumes, tradições e arranjos familiares, raça, religião e gênero.

Capacidade

A Casa do Piá IV fica em um imóvel próprio da Prefeitura e que foi totalmente revitalizado para receber os adolescentes. Anteriormente, eles estavam acolhidos em outro espaço, considerado inadequado.

A coordenadora da unidade, Ana Maria Noga, disse que a nova unidade trouxe várias melhorias, principalmente de espaço físico. “Aqui temos sala e quartos grandes e uma área externa onde os meninos podem fazer esporte. Tudo isso melhorou a individualidade de todos”, comentou.

M.S., 15 anos, elogiou a nova casa. “Aqui tudo é bom, mas o que mais gosto é da área lá de fora, onde a gente pode jogar basquete.” Há um mês na unidade, T.G.F.N., 13 anos, também é só elogios. No contraturno da escola ele faz capoeira no Portal do Futuro e sonha em fazer curso de cabeleireiro. “Quero ter uma barbearia destas bem legais, como tem hoje”, contou.

Um projeto que está sendo traçado deverá ofertar cursos profissionalizantes para os adolescentes que, depois, poderão ser encaminhados para as empresas instaladas na região.     

Vagas

Com a inauguração, Curitiba passa a ofertar 89 vagas para acolhimento de adolescentes do sexo masculino em instituições oficiais.

As vagas estão distribuídas em cinco unidades: Casa do Piá I, que atende meninos de 7 a 13 anos; as Casas do Piá II e III, para adolescentes de 14 a 18 anos; a Unidade de Acolhimento Institucional (UAI) Santa Felicidade, também para o público de 14 a 18 anos; e agora a Casa do Piá IV. Meninos de 0 a 13 anos são atendidos em rede conveniada.

Presenças

Participaram da inauguração, o administrador regional do Boqueirão, Ricardo Alexandre Dias; o vereador Thiago Ferro; o assessor Marco Figueiredo, da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude, a supervisora da FAS no Boqueirão, Rosane Nunes Zana; superintendentes e diretores da fundação.

 

 

 

 

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/fas-inaugura-espaco-para-acolhimento-de-adolescentes-no-alto-boqueirao/42115.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Curitibinhas discutem educação no trânsito e uso da bicicleta – Prefeitura de Curitiba/PR

Estudantes do 5° ano da Escola Municipal Sady Souza, no Sítio Cercado, vão percorrer as …