TST >> #QueroPost: O aviso prévio pode ser cancelado?

(Sex, 26 Mai 2017)

O quadro #QueroPost desta semana é sobre a desistência do aviso prévio. E o internauta Vitor Lúcio mandou a seguinte pergunta: “Minha empresa me demitiu e pediu para eu cumprir aviso prévio. No meio do aviso, ela desistiu de me mandar embora. Eu posso agora querer ser demitido?”

Com base no Art. 489 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), é permitido sim que o aviso prévio seja reconsiderado. Porém, é necessário que trabalhador e empregado estejam de acordo. Quem esclarece a dúvida na reportagem é o ministro do TST, Aloysio Corrêa da Veiga. 

 

O “#QueroPost” é um quadro do programa Revista TST, produzido pelo TST e exibido pela TV Justiça às sextas-feiras, às 19h30, com reprises aos sábados, às 07h, domingo às 04h30, segunda às 7h, terça às 6h e quarta às 7h. Todas as edições também podem ser assistidas pelo canal do TST no Youtube: www.youtube.com/tst.
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Coordenadoria de Rádio e TV
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4264
crtv@tst.jus.br

Fonte Oficial: http://www.tst.jus.br/web/guest/noticias?p_p_id=89Dk&p_p_lifecycle=0&refererPlid=10730&_89Dk_struts_action=%2Fjournal_content%2Fview&_89Dk_groupId=10157&_89Dk_articleId=24337644.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Sedes do Tribunal Superior do Trabalho

      Voltar para Página Inicial Fonte Oficial: TST. ​Os textos, informações e opiniões …