Câmara Municipal de São Paulo CPI dos Grandes Devedores pede acareação entre procurador e advogado





Membros da CPI da Dívida ativa se reuniram nesta quinta-feira na Câmara

DA REDAÇÃO

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) dos Grandes Devedores decidiu durante a sessão desta quinta-feira (31/08) que sócios do escritório Nascimento e Mourão deverão participar de uma acareação. A Comissão apura a atuação do escritório em causas nas quais representa empresas que estão entre as devedoras de impostos e tributos para a cidade de São Paulo. Entre os sócios do escritório, porém, há procuradores jurídicos do Município.

A CPI decidiu pela acareação após depoimentos contraditórios dos advogados Alex Silva dos Santos e Carlos Figueiredo Mourão, que é procurador e, de acordo com ele, não sabia que seu escritório atuava nos processos contra o Município.

O vereador Ricardo Nunes (PMDB), vice-presidente da CPI, disse que a acareação será fundamental para esclarecer o assunto. “O Alex se comprometeu a nos enviar a lista dos clientes do escritório e não mandou. Foi convocado para vir mais uma vez e não compareceu. O sócio dele [Carlos Figueiredo Mourão] disse que ele mentiu durante a oitiva. Precisamos resolver esse imbróglio e ver qual é a verdade”, disse.

Consultorias

Ainda na reunião desta quinta-feira, a CPI ouviu representantes de empresas contábeis especializadas em auditoria e consultoria. Duas dessas empresas informaram que estão depositando em juízo o valor da dívida com a prefeitura e discutindo judicialmente a cobrança do ISS (Imposto sobre Serviços).



Fonte Oficial: http://www.camara.sp.gov.br/blog/cpi-dos-grandes-devedores-pede-acareacao-entre-procurador-e-advogado/.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Vereadores debatem temas ligados à saúde, meio ambiente e desestatização

Sessão Plenária desta terça-feira (22/10) MARCO ANTONIO CALEJODA REDAÇÃO Na tarde desta terça-feira (22/10), durante …