Confira a programação da Rádio Justiça para segunda-feira (27)

Defenda seus Direitos
Na busca pela implantação da Política Judiciária Nacional de Tratamento Adequado dos Conflitos, prevista pelo Conselho Nacional de Justiça, muitos tribunais brasileiros passaram a fazer mutirões para promover acordos entre usuários e empresas. É o que acontece para resolução de demandas envolvendo direitos dos consumidores. Por exemplo, desde maio, ao menos três tribunais estaduais fizeram audiências com objetivo de solucionar demandas relacionadas à cobertura, cancelamentos, reajustes de mensalidade de clientes da operadora de saúde Amil. O juiz Alexandre Abreu destaca o assunto conciliação no programa. Segunda-feira, às 13h.

Justiça na Tarde
O programa desta segunda-feira fala sobre a prisão de Adriana Ancelmo, esposa do ex-governador do Rio, Sérgio Cabral. Para comentar sobre o tema, o Justiça na Tarde recebe vários especialistas. Segunda-feira, às 14h10.

Direito Direto
O programa que traz as últimas novidades da justiça brasileira, por meio de uma linguagem simples e acessível, vai repercutir, nesta segunda-feira, decisão do STJ que limita pagamento de pensão alimentícia à ex-companheira. Segunda-feira, às 17h.

Radionovela – “O cliente nunca tem razão”
O Inácio era um corretor de locações que foi promovido ao departamento de vendas na Imobiliária Magnífica. E a colega dele, a Fabiane, reinava sozinha até então e se viu obrigada a ensinar para o Inácio os macetes da profissão. Só que os métodos da Fabiane estão bem longe de ser éticos. Ouça a radionovela em diversos horários e versão compacta aos sábados e domingos, às 20h30.

Rádio Justiça
A Rádio Justiça é sintonizada em 104,7 FM no Distrito Federal e pode ser ouvida pelo site www.radiojustica.jus.br. Siga a Rádio Justiça pelo Twitter no endereço http://twitter.com/radiojustica.

Fonte: Rádio Justiça

Fonte Oficial: STF.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Acadêmicos avaliam situação ambiental no Brasil – STF

Na continuidade da audiência pública no Supremo Tribunal Federal (STF) para debater o funcionamento do …