Recurso para apoio à criança e ao adolescente cresce para R$ 1,8 bilhão – Prefeitura de Curitiba/PR

A Prefeitura de Curitiba está ampliando o apoio a projetos relacionados à criança e o adolescente. O Orçamento para Criança e Adolescente (OCA) de 2018 soma R$ 1,8 bilhão, 4% superior ao R$ 1,75 bilhão do ano passado.

Os números foram apresentados ao prefeito Rafael Greca na tarde desta quinta-feira (17/5). Ele aprovou a execução dos recursos. “Esse é um compromisso com o futuro, com os verdadeiros herdeiros da cidade, que aqui nasceram, que são os nossos curitibinhas. São eles que farão o futuro. O nosso objetivo é entregar uma cidade mais bonita e justa do que recebemos”, disse o prefeito.

O recurso total, de R$ 1.821.735.576, 96, será usado em ações em três pilares: saúde, educação e proteção social. Os valores abrangem tanto ações exclusivas, com apoio direto à criança e ao adolescente (R$ 1.401.501.171,98), quanto não exclusivas, em que o benefício atinge as famílias e beneficiam os jovens indiretamente (R$ 420.234.404,98).

Do total de recursos previstos para o ano, R$ 1.260.066.011,98 (69%) irão para educação, cultura de inovação, esporte e lazer. Outros R$ 497.145.044,98 (27%) serão destinados para a área de saúde, com foco em políticas de saúde, defesa social, segurança alimentar e política sobre drogas.

Por último, R$ 64.524.520 (4%) serão para a proteção social, que inclui ações de assistência social, defesa social, trabalho e conselhos tutelares, no sentido de evitar a violação de direitos.

“A questão da criança e do adolescente é uma pauta nacional, com o compromisso dos municípios de priorizar essa área e centralizar políticas públicas”, diz Carla Braun, coordenadora de conselhos tutelares da FAS Trabalho.

Greca, que foi um dos primeiros prefeitos a aderir ao programa Prefeito Amigo da Criança, considera que até o nome do orçamento para a área – OCA – foi uma escolha feliz. “Oca é nome da casa dos índios, dos índios tinguis. E os nossos curitibinhas são descendentes dos nossos tinguis”, explicou.

Participaram da apresentação Carla Braun, assessora de Apoio a Políticas da Criança e do Adolescente; Jackson Nunes, gerente de Orçamento da Secretaria Municipal de Finanças, e Carlos Eduardo Kukolj, diretor de Orçamento; e Patricia Lee Cardoso, assessora da superintendência da Secretaria do Governo Municipal

Seminário

Nesta sexta-feira (18/5), a FAS promoverá o XII Seminário Municipal de Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. O evento marca as comemorações do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, celebrado em 18 de maio.

Profissionais debaterão estratégias para o atendimento destes casos e a implantação, ainda neste ano, da Lei 13.431/17, da escuta protegida, que normatiza o sistema de garantia de direitos de crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência. A nova legislação estabelece medidas de assistência e proteção a este público.

O seminário será no Salão de Atos do Parque Barigui. Na ocasião, a FAS lançará uma campanha com o slogan Abuso Sexual Infantil: Esse Mal não Pode Crescer, para alertar a população para o problema e proteger crianças e adolescentes.

18 de maio

A data foi escolhida como dia de mobilização contra a violência sexual porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou o país e ficou conhecido como o Caso Araceli. Esse era o nome de uma menina de 8 anos de idade que teve todos os direitos humanos violados – foi raptada, estuprada e morta por jovens daquela cidade.

A proposta do 18 de maio é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes.

 

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/recurso-para-apoio-a-crianca-e-ao-adolescente-cresce-para-r-18-bilhao/46160.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Prefeitura oferece testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite C

Testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite C estarão disponíveis nesta sexta-feira, 25, pela unidade móvel …

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!