Zoológico é palco de aula noturna para estudantes haitianos – Prefeitura de Curitiba/PR

Onze estudantes haitianos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) das Escolas Municipais Professor Germano Paciornik (no bairro Boqueirão) e Anísio Teixeira (Boa Vista) participaram de uma aula de campo inusitada e inspiradora na noite desta terça-feira (3/7). Eles conheceram o Zoológico de Curitiba, no Boqueirão, mas de uma maneira muito diferente, durante atividade noturna com caminhada pelo bosque e pela trilha dos animais.

A aula de campo foi realizada pelo programa Linhas do Conhecimento, que prevê aulas de campo em museus, parques, pontos turísticos e faróis, ampliando os conhecimentos e as oportunidades de aprendizado dos estudantes da rede municipal de ensino.

Para o jovem Michelange Thomas, 26 anos, essa foi uma maneira criativa de aprender mais sobre a cidade que o acolheu e que ele aprendeu a amar. “Quero ficar em Curitiba, voltei a estudar e quero trabalhar aqui, até com o frio estou acostumado”, disse ele. “Desde que vim para o Brasil, e isso faz três anos, estou aqui nesta cidade e não quero me mudar. O resto do Brasil quero um dia só visitar”, contou Michelange.

O amigo dele, Makenson Elesma, 33 anos, também adotou Curitiba como cidade do coração. “Aqui é bom de morar, melhorando meu português quero um emprego fixo”, disse. Sobre a atividade no zoo, ele disse que é interessante realizar aulas fora da escola. “Eu nunca tinha vindo aqui”, contou.

A coordenadora do programa na Secretaria Municipal da Educação, Scheilla Maria Orlosqui, explica que, pelo Linhas, os participantes aprendem mais sobre cultura, arte, história, ecologia e geografia. “O programa foi concebido para aliar atividades lúdicas e pedagógicas ao currículo escolar, ampliando as possibilidades de aprendizado. No caso específico dos estudantes haitianos que têm aulas de português em nossas escolas, a intenção foi oferecer a eles uma aula de campo estimulante, na qual possam aprender mais sobre a cidade que os acolheu, a fauna e a flora nativas, por exemplo”, disse Scheilla.

O Linhas

Idealizado pelo prefeito Rafael Greca no início da gestão, em 2017, o programa beneficiou, somente no passado, 17,4 mil estudantes e dois mil professores. Foram realizadas 606 visitas a 40 espaços da cidade. Também foram produzidos e publicados vídeos e guias de atividades pedagógicas.

Este ano, os roteiros passaram a incluir a Biblioteca Pública do Paraná, Cinemateca, Farol do Saber e Inovação, Parque Bacacheri, Memorial Ucraniano, Praça Zumbi dos Palmares e Aeroclube do Paraná.

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/zoologico-e-palco-de-aula-noturna-para-estudantes-haitianos/46717.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Rua da Cidadania do Cajuru retoma o Encontro dos Artistas – Prefeitura de Curitiba/PR

    Recomeça nesta quinta-feira (25/10), às 19h, no auditório da Rua da Cidadania do …