Medeiros critica atuação do Ibama em reserva indígena de Mato Grosso — Senado Notícias


Da Redação e Da Rádio Senado |
04/07/2018, 19h17 – ATUALIZADO EM 04/07/2018, 20h26

O senador José Medeiros (Pode-MT) criticou as ações do Ibama em área dos índios parecis, em Mato Grosso, que foram impedidos de colher a safra deste ano e vender sua produção agrícola. Ele disse que a atividade rural nas terras indígenas era realizada com acompanhamento da Funai, e contrastou a prosperidade dos parecis com a situação de miséria e degradação em que vive a maioria dos índios.

Para Medeiros, o Ibama extrapolou suas atribuições na fiscalização da lavoura dos parecis, já que não encontrou nem exploração dos índios nem degradação do meio ambiente. Hoje, segundo o senador, o Ibama se tornou um “tumor” dentro do governo. O órgão, disse, serve a interesses internacionais e está aparelhado por gente que prefere lançar os índios na sarjeta.

— Há quase 30 dias os índios perambulam pelos corredores de Brasília, pelos corredores da Câmara e do Senado, pelos corredores do Planalto, pela Funai, e não conseguem ser atendidos.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2018/07/04/medeiros-critica-atuacao-do-ibama-contra-indios-no-mato-grosso.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Uso de máscara transparente pode se tornar obrigatório para repórteres de TV — Senado Notícias

Com o objetivo de facilitar o acesso de pessoas com deficiência auditiva aos noticiários de …