CCO só funciona com coordenação, diz delegado – Prefeitura de Curitiba/PR

Organização e integração entre as instituições são os principais itens para o bom funcionamento de um Centro de Operações e Controle. As recomendações são do delegado da Polícia Federal, Flúvio Cardinelle Garcia, que fez palestra nesta sexta-feira (6/7), no auditório da Urbs (Urbanização de Curitiba S/A), para técnicos de várias áreas da Prefeitura de Curitiba.

O delegado da Polícia Federal falou, principalmente, da experiência em coordenar as operações de Segurança Pública em Curitiba durante a Copa do Mundo de 2014. “O conceito de hierarquia não funciona dentro de centro de operações e controle. O que precisa é coordenação, entrosamento entre as áreas e muita cooperação”, destacou.

O presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto, participou da palestra junto com técnicos de várias áreas da Prefeitura, como Fundação de Ação Social (FAS), Meio Ambiente, Superintendência de Trânsito e Defesa Social. Estas e outras áreas estão envolvidas no projeto Centro de Operações Curitiba.

Outra sugestão do delegado para o funcionamento de centro de controle é a criação de protocolos de ações para as mais diversas situações de um centro urbano. “Os protocolos indicam o que deve ser feito em cada situação de emergência, por isso devem ser muito bem discutido e acordado entre as áreas. O fluxo de informação deve ser único e acordado entre todos”, falou.

 

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/cco-so-funciona-com-coordenacao-diz-delegado/46760.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Rua da Cidadania do Cajuru retoma o Encontro dos Artistas – Prefeitura de Curitiba/PR

    Recomeça nesta quinta-feira (25/10), às 19h, no auditório da Rua da Cidadania do …