Fernando Collor condena projeto que flexibiliza uso de agrotóxicos — Senado Notícias

Em discurso nesta segunda-feira (9), o senador Fernando Collor (PTC-AL) criticou o projeto de lei que (PL 6299/2002) muda as regras de registro, fiscalização e controle do uso de agrotóxicos, já aprovado em comissão especial na Câmara dos Deputados. Para ele, esse projeto esvazia os princípios do Código de Defesa do Consumidor e coloca em risco a saúde dos brasileiros para privilegiar o lucro das empresas desse setor.

A proposta ainda dá ao Ministério da Agricultura a competência para liberar a comercialização de tais produtos no país antes que o Ibama e a Anvisa concluam análise do registro do produto. De acordo com Collor, isso coloca em risco a saúde das pessoas, por meio do consumo de água e alimentos contaminados com agrotóxicos cuja composição química não tenha sido devidamente analisada pelos órgãos do governo.

– Mesmo antes dessa absurda proposta de flexibilização do uso de defensivos agrícolas, o Brasil já é considerado o maior consumidor do planeta de agrotóxicos e de produtos envenenados, incluindo aqueles proibidos nos países mais desenvolvidos. De acordo com a Sociedade Brasileira de Saúde Coletiva, cada brasileiro consome, em média, 5,2 litros de agrotóxicos por ano, um número considerado elevadíssimo para os padrões internacionais – afirmou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2018/07/09/fernando-collor-condena-projeto-que-flexibiliza-uso-de-agrotoxicos.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Projeto libera recursos do Suas para compra de álcool em gel e máscaras — Senado Notícias

Foi apresentado no Senado proposta que autoriza a utilização de recursos do Sistema Único de …