Confira a programação da Rádio Justiça para esta quarta-feira (11) – STF

Revista Justiça
O Revista Justiça vai começar com o quadro Direito Constitucional falando sobre o meio ambiente, sob a ótica constitucional: em quais artigos nossa Carta Magna contempla o meio ambiente? A entrevista é com Flávia Bahia, advogada e professora de Direito Constitucional. Vamos falar também sobre a decisão recente do Tribunal Superior do Trabalho de reintegrar um servidor dos Correios que foi demitido pela empresa por abandono de emprego, enquanto estava cedido à administração pública como secretário-executivo adjunto de um órgão do Amazonas. Em quais circunstâncias um servidor público pode ser demitido? O advogado da União e professor Marcus Bittencourt vai comentar o caso e falar sobre o tema. No quadro Compreender Direito, contaremos com a participação do jurista e pós-doutor em Direito Lênio Streck. Já no Dicas do Autor, vamos falar sobre o livro "Neutralidade da Rede: A regulação da internet no Brasil", com o autor da obra Pedro Henrique Soares Ramos, advogado e mestre em Direito. Ainda, no quadro Direito Administrativo, contaremos mais uma vez com a advogada e professora Licínia Rossi trazendo temas importantes na área. Quarta-feira, às 8h.

Giro pelo Mundo
O Giro pelo Mundo destaca que, para Donald Trump, a solução para a crise de crianças imigrantes na fronteira entre EUA e México é "que [elas] não venham ilegalmente". Ainda, o presidente dos EUA indica juiz conservador para vaga na Suprema Corte do país. Enquanto isso, a Coreia do Sul suspende exercícios militares com EUA para facilitar diálogo com Pyongyang, capital da Coreia do Norte. Já em Cuba, governo anuncia novas normas para setor privado e retoma concessão de licenças. Quarta-feira, às 10h.

Defenda seus Direitos
De acordo com a legislação, a pessoa com deficiência visual tem o direito de entrar e de permanecer com o cão-guia em todos os meios de transporte e em estabelecimentos abertos ao público.Ao analisar o caso de um cliente com deficiência visual que teve recusada a entrada do cão-guia em um veículo do Uber, a Justiça de Brasília condenou o aplicativo e um motorista a pagarem R$ 2 mil de indenização. A decisão considerou que houve má prestação de serviço, além de desrespeito ao consumidor. A advogada e coordenadora do programa acadêmico da APAE-DF, Kelly Assunção, comenta o assunto. Quarta-feira, às 13h.

Justiça na Tarde
O programa fala sobre vacinas e a obrigatoriedade dos pais levarem os filhos para imunizá-los. O governo disponibiliza diversas vacinas. Mas, atualmente, há uma espécie de grupo “antivacina”, em que familiares optam por não vacinar as crianças, por diversos motivos. O Estatuto da Criança e do Adolescente, de 1990, obriga os pais a levarem os filhos para vacinação. Mesmo com a lei, ainda não há punição para os pais que deixam de cumprir com essa obrigação. O programa recebe especialistas para tratar do assunto. Quarta-feira, às 14h10.

Radionovela Justiça em Cena – “Um problema muito complexo”
Olívia já procurou diversos especialistas para tratar de sua insônia, que acabou virando uma grande angústia. Primeiro, ela se tratou com o Mestre Genésio, um guru picareta. Depois, ela se consultou com o doutor Sigmundo Frodo, que nem psiquiatra era. E parece que o problema dela só está evoluindo. Dessa vez, ela resolveu pesquisar os sintomas na internet. É claro que o que ela encontrou a deixou ainda mais angustiada, fazendo com que Olívia fosse parar no hospital e se consultasse com o doutor Pacheco, um médico que não está muito disposto a atendê-la. Ouça a radionovela em diversos horários e versão compacta aos sábados e domingos, às 20h30.

Rádio Justiça
A Rádio Justiça é sintonizada em 104,7 FM no Distrito Federal e pode ser ouvida pelo site www.radiojustica.jus.br. Acompanhe a programação e siga a Rádio Justiça pelo Twitter no endereço http://twitter.com/radiojustica.
Participe dos programas! Envie dúvidas e sugestões sobre temas ligados ao Direito para nosso whatsapp: (61) 99975-8140.
 

Fonte: Rádio Justiça

Fonte Oficial: http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=383697.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Prazo para investigações no inquérito das fake news é prorrogado por 180 dias – STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), prorrogou por 180 dias o …