Projeto susta parte do decreto que autorizou atividade mineral em reserva nacional – Câmara Notícias

Projeto susta parte do decreto que autorizou atividade mineral em reserva nacional

Alex Ferreira/Câmara dos Deputados

Alencar: É fundamental que seja sustado o artigo 72, tendo em vista o seu caráter destrutivo para o meio ambiente e os direitos territoriais

O Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 973/18, em tramitação na Câmara dos Deputados, revoga parte do decreto assinado pelo presidente Michel Temer, em junho, que possibilita atividade minerária (pesquisas e lavra) em áreas de reservas nacionais.

A proposta, apresentada pelo deputado Chico Alencar (Psol-RJ), susta o artigo 72 do Decreto 9.406/18. Reservas nacionais são áreas consideradas estratégicas pelo Estado e só podem ser exploradas pela iniciativa privada com controle estatal, principalmente se abrigarem terras indígenas e áreas de preservação ambiental.

A Constituição permite que o Congresso Nacional suspenda a execução de ato administrativo que extrapolar o poder regulamentar do governo.

Desvirtuamento
Para Alencar, o decreto possibilita “a desvirtuação das reservas minerais que estão sob o controle do Estado brasileiro, com graves consequências socioambientais”. Ele salientou que a Constituição impõe a necessidade de autorização do Congresso Nacional para exploração de recursos minerais nos territórios indígenas.

O deputado afirmou ainda que a Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), adotada pelo Brasil, exige a consulta prévia aos povos afetados por medidas legislativas ou administrativas.

“Os povos e comunidades impactados pela mineração, assim como as entidades de defesa de direitos socioambientais, não foram consultados em nenhum momento sobre o referido decreto”, disse Alencar. “Ao que tudo indica, tratou-se de uma norma arquitetada entre as empresas do setor e o governo federal”.

Tramitação
O projeto será analisado agora pelas comissões de Minas e Energia; e Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois segue para o Plenário da Câmara.

Fonte Oficial: Câmara dos Deputados.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Senado celebra os 50 anos da Associação Brasileira de Desenvolvimento — Senado Notícias

Por iniciativa do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), o Senado homenageou a Associação Brasileira de Desenvolvimento …