Agência Nacional de Mineração é instalada via decreto presidencial – Migalhas

O decreto 9.587, publicado no Diário Oficial da União em 28.11.18, aprova a estrutura regimental da agência nacional de mineração (“ANM”) que substituirá o departamento nacional de produção mineral (“DNPM”).

Quase 1 ano após a criação da ANM por meio da lei Federal 13.575, o presidente da República, Michel Temer, publicou o decreto que determina a instalação da Agência Nacional de Mineração. A partir de 5 de dezembro deste ano (data em que o decreto entrará em vigor), a ANM estará investida no exercício pleno de suas atribuições e o DNPM estará definitivamente extinto. O diretor-geral da ANM publicará no Diário Oficial da União, até o próximo dia 3 de fevereiro de 2019, a relação nominal dos titulares dos cargos em comissão, bem como editará o regimento interno da ANM para detalhar as competências e atribuições de seus dirigentes.

A estrutura organizacional prevista para a ANM compreenderá: (i) diretoria colegiada; (ii) gabinete do diretor-geral; (iii) secretaria-geral; (iv) procuradoria Federal especializada; (v) ouvidoria; (vi) auditoria interna; (vii) corregedoria; (viii) superintendências e (ix) unidades administrativas regionais.

As reuniões da diretoria colegiada da ANM serão públicas e terão suas datas, pautas e atas divulgadas no sítio eletrônico da agência. Ademais, será assegurada nessas reuniões a manifestação da procuradoria Federal especializada, das partes envolvidas no processo e de terceiros interessados. Decisões da diretoria colegiada serão tomadas por voto da maioria absoluta de seus membros, cabendo ao diretor-geral, além do voto ordinário, o voto de qualidade.

Dentre as competências da ANM, cumpre destacar que a agência deverá normatizar o sistema brasileiro de certificação de reservas e recursos minerais até 27 de dezembro de 2018 (1 ano contado da publicação da lei Federal 13.575/17), sendo que a minuta do respectivo ato normativo está aberto a consulta pública desde 27 de novembro no sítio eletrônico da agência.

É importante destacar que, no dia 5 de dezembro deste ano, entrará também em vigor o novo regulamento do código de mineração (decreto 9.406/18), cuja vigência estava condicionada à instalação da ANM.

__________


*Gabriela Salazar Silva Pinto é advogada do escritório Azevedo Sette Advogados.

*Leonardo Pereira Lamego é advogado do escritório Azevedo Sette Advogados.

Fonte Oficial: https://www.migalhas.com.br/dePeso/16,MI292379,11049-Agencia+Nacional+de+Mineracao+e+instalada+via+decreto+presidencial.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Marielle foi assassinada por milicianos por causa de terras, diz general – Congresso em Foco

Em entrevista ao jornal Estadão, publicada nesta sexta-feira, o secretário de Segurança Pública do Rio, …