Aécio liderou até quase 90% das urnas apuradas – Congresso em Foco

Reportagem veiculada no site do jornal O Globo na tarde desta segunda-feira (27) informa que o tucano Aécio Neves liderou a contagem dos votos até as 19h32 de ontem (domingo, 26), quando a presidenta reeleita Dilma Rousseff o ultrapassou. Nesse ponto da apuração, 88,9% das urnas já haviam sido contabilizadas. Segundo a matéria, a reviravolta tem razões regionais: a contabilização dos votos teve início no Sul e no Sudeste, onde o senado mineiro tem vantagem.

“O candidato do PSDB, Aécio Neves, largou na frente. A virada foi registrada às 19:32:03, quando estavam somados 88,9% dos votos. Nesse horário, a presidente Dilma Rousseff (PT) atingiu 47.312.422 votos, ou 50,05% do total apurado até então. Aécio ficou para trás de forma irreversível. Tinha 47.224.291 votos, ou 49,95% do total”, diz o texto, que colheu as informações com o secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Giuseppe Janino.

“Embora o momento tenha sido emocionante, nenhum dos presentes comemorou ou demonstrou tristeza. Afinal, estavam todos a trabalho. A vitória inicial e fugaz do tucano ocorreu porque a apuração começou com as urnas do Sul e do Sudeste, onde ele tem maioria de votos”, acrescenta a reportagem.

O texto descreve o esquema especial – inédito, segundo Giuseppe – determinado pelo presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, para que 30 técnicos da corte trabalhassem isoladamente durante o trabalho, sem acesso até ao próprio Toffoli e seus outros seis colegas de plenário. Nenhum dos servidores pôde fazer uso de celular durante a tarefa. Além disso, caso algum deles precisasse deixar a sala para ir ao banheiro, por exemplo, um segurança o acompanhava para evitar vazamento de informações.

“Depois de divulgado o resultado das eleições, Toffoli foi pessoalmente cumprimentar a equipe de Janino e parabenizar o grupo pelo trabalho bem sucedido”, acrescenta a reportagem.

Confira a íntegra no ambiente de O Globo

 

Mais sobre eleições 2014

Assine a Revista Congresso em Foco

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Eduardo Bolsonaro nega “competição” com chanceler e diz que missão está “cumprida”, após participar de encontro do pai com Trump – Congresso em Foco

Eduardo Bolsonaro nega “competição” com chanceler e diz que missão está “cumprida”, após participar de …