Corregedor-geral da Justiça do Trabalho inicia correição no TRT da 16ª Região (MA)

document.write(‘‘); !function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(!d.getElementById(id)){js=d.createElement(s);js.id=id;js.src=”http://platform.twitter.com/widgets.js”;fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}}(document,”script”,”twitter-wjs”);



O ministro Lelio Bentes Corrêa estará em São Luís até sexta-feira (15).

O corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Lelio Bentes Corrêa, realiza, de segunda-feira (11) a sexta-feira (15), correição ordinária no Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (MA). A agenda do ministro prevê reunião com os dirigentes do TRT-MA, com os demais desembargadores e com juízes de primeiro grau da 16ª Região.

Durante a semana, o corregedor-geral visitará o Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc-JT) e a Escola Judicial do TRT e se reunirá com os gestores regionais do Programa Trabalho Seguro e do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem. Na quarta-feira (13), ele estará à disposição dos interessados, mediante prévio agendamento, e, na quinta-feiera (14), terá reuniões com a equipe de correição e com os dirigentes do TRT. Na sexta-feira (15), Lelio Bentes concederá entrevista coletiva à imprensa a partir das 9h e, às 10h, a correição será encerrada com a leitura da ata em sessão plenária administrativa conduzida pelo ministro corregedor.

A Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho é o órgão incumbido da fiscalização, da disciplina e da orientação da administração da Justiça do Trabalho sobre os TRTs, seus juízes e serviços judiciários. O procedimento correicional está previsto no artigo 6º, inciso II, do Regimento Interno da Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho. O atual corregedor-geral, ministro Lelio Bentes Corrêa, foi eleito para o biênio 2018-2020. 

(Com informações do TRT da 16ª Região)

<!– –> var endereco; endereco = window.location.href; document.write(‘‘) <!—-> Inscrição no Canal Youtube do TST

Fonte Oficial: http://www.tst.jus.br/web/guest/noticias?p_p_id=89Dk&p_p_lifecycle=0&refererPlid=10730&_89Dk_struts_action=%2Fjournal_content%2Fview&_89Dk_groupId=10157&_89Dk_articleId=24792895.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Justiça do Trabalho julgará ação contra trabalho de MC de 12 anos

document.write(‘Seguir‘); !function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(!d.getElementById(id)){js=d.createElement(s);js.id=id;js.src=”http://platform.twitter.com/widgets.js”;fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}}(document,”script”,”twitter-wjs”); A ação envolve exploração de trabalho infantil moralmente degradante. A Terceira Turma …