Exame que detecta paralisia cerebral em bebês pode ser obrigatório

JOTA ABREU
DA REDAÇÃO

De autoria do vereador George Hato (MDB), o PL (Projeto de Lei) 16/2017 propõe que os hospitais e maternidades da cidade de São Paulo, públicos e privados, sejam obrigados a realizar exames em recém-nascidos para o diagnóstico precoce de paralisia cerebral, a encefalopatia crônica não progressiva da infância.

Com coautoria do vereador Ricardo Nunes (MDB), o texto do PL diz que o teste deverá ser realizado no momento do nascimento, com repetições a cada 12 horas, até a saída da maternidade. O texto proposto também especifica os exames a serem realizados nos bebês.

Segundo os autores do PL, quando as avaliações médicas para detecção da enfermidade são realizadas tardiamente, as crianças podem sair da maternidade com paralisia cerebral severa sem diagnóstico, o que significa perder a chance de iniciar rapidamente tratamento importante para uma vida mais saudável.

“A diferença de um tratamento tardio para um precoce é que, quando se inicia tarde a estimulação (após um mês, por exemplo), o bebê já tem deformidades instaladas e reflexos que poderiam ser inibidos com a estimulação precoce, porém, permanecem atrapalhando o desenvolvimento de uma coordenação motora adequada”, anota o texto.

Segundo os autores do PL, no desenvolvimento motor da criança com paralisia cerebral, as lesões interferem na sequência do desenvolvimento motor dos recém-nascidos. “Os sintomas de retardo motor são seguidos, cedo ou tarde, pelo aparecimento de padrões anormais de postura e movimento, em associação com o tônus postural anormal”, explica o documento.

Aprovado em primeira votação, o PL segue em tramitação na Câmara Municipal de São Paulo.

Acompanhe aqui outros projetos em tramitação de autoria do vereador George Hato (MDB). No link, você também poderá obter os canais de comunicação do parlamentar e participar diretamente do mandato por meio de propostas, sugestões ou recebendo informativos através do formulário “Fale com o Vereador”.

Fonte Oficial: http://www.saopaulo.sp.leg.br/blog/exame-que-detecta-paralisia-cerebral-em-bebes-pode-ser-obrigatorio/.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Edital de Convocação

Edital de Convocação Fonte Oficial: http://camarasaogoncalodopara.mg.gov.br/conteudo/edital-de-convocacao_586. ​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são …