Câmara cria Grupo Brasil-Eslovênia e aprova acordos internacionais – Notícias

Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Plenário aprovou regras para a participação brasileira em foros da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (14) a criação do Grupo Parlamentar de Amizade Brasil-Eslovênia (PRC 185/16). O objetivo é ampliar e desenvolver as relações entre os dois países, além de promover o intercâmbio entre os respectivos Legislativos.

Os deputados também aprovaram cinco acordos internacionais, que agora seguem para o Senado. Cabe ao Congresso confirmar os tratados celebrados pelo Poder Executivo para que eles possam ser aplicados no direito brasileiro.

União Europeia
Entre os temas aprovados está a adesão do Brasil à Fundação Internacional União Europeia – América Latina e Caribe (PDC 1020/18). O objetivo da fundação, sediada em Hamburgo (Alemanha), é fortalecer a parceria estratégica entre europeus e latino-americanos.

A Fundação foi criada em 2011 e já conta com a adesão de todos os países americanos (33 ao total), com exceção dos Estados Unidos e do Canadá, e os 28 Estados membros da União Europeia, assim como um representante do bloco europeu.

Regimes aduaneiros
Outro acordo aprovado (PDC 773/17) trata da revisão da Convenção Internacional para a Simplificação e a Harmonização dos Regimes Aduaneiros. O texto cria um comitê para acompanhar a aplicação do acordo tributário e define as práticas abrangidas pelo tratado: cobrança de impostos, liberação de formalidades, garantias e reembolsos, entre outros pontos.

O governo federal destaca que as normas da Convenção representam as melhores práticas internacionais em matéria aduaneira, adotadas por países responsáveis por mais de 80% do comércio internacional.

Previdência suíça
Os deputados também aprovaram acordo na área de Previdência Social (PDC 431/16) entre os governos do Brasil e da Suíça, assinado em Brasília, em 3 de abril de 2014. O acordo é de interesse da comunidade suíça que contribui para os dois sistemas – INSS e AVS.

O objetivo é que os trabalhadores que contribuíram para os dois sistemas somem os períodos de contribuição para atingir o tempo mínimo necessário à obtenção de aposentadorias e demais benefícios previdenciários.

Intercâmbio com Alemanha
Outra proposta aprovada trata de acordo entre Brasil e Alemanha sobre um Programa de Férias-Trabalho (PDC 746/17) para jovens entre 18 e 30 anos. Nesses casos, o visto será de até 1 ano e permitirá a permanência no território do outro país primordialmente para fins de turismo, com a possibilidade de buscar e exercer, a título acessório, emprego que permita complementar os recursos financeiros da viagem. Também é permitido fazer cursos de formação ou aperfeiçoamento por até seis meses.

OCDE
Os deputados também aprovaram acordo de cooperação entre o Brasil e a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). O objetivo do tratado (PDC 767/17) é institucionalizar a participação brasileira em diversos foros da OCDE, além de estabelecer os mecanismos para a definição de linhas de trabalho futuras.

Fonte Oficial: Câmara dos Deputados.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Comissão mista vota relatório final da MP do Saneamento Básico — Senado Notícias

Está agendada para as 14h da terça-feira (7) reunião para a comissão mista votar o …