Em sessão especial, senadores e embaixador homenageiam imigração italiana — Senado Notícias

Em sessão comemorativa dos 145 anos da imigração italiana no Brasil, realizada nesta quinta-feira (14), a presença dos imigrantes italianos foi classificada como “fulgurante e fundamental” para o desenvolvimento do país, nas palavras do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG). Presidente da sessão, ele acrescentou que os italianos contribuíram para o amálgama da nacionalidade brasileira, trazendo uma carga cultural e histórica que remonta ao Império Romano.

— Somos hoje no Brasil milhões de descendentes de italianos, espalhados nos 27 estados da Federação, todos nós irmanados na unidade brasileira, mas também mantendo com muito orgulho o sangue latino que veio da Itália e de Roma. Não há uma só ação, e poderia dizer na culinária, na cultura, no cinema, na indústria, no comércio, onde não haja uma presença italiana extremamente firme e forte — disse o parlamentar.

Também descendente de italianos, o senador José Serra (PSDB-SP) lembrou de quando a Itália o socorreu duas vezes nas perseguições durante o regime militar: uma quando teve que fugir do Brasil, em 1964, e outra no Chile, quando Augusto Pinochet assumiu o poder, em 1973.

— Fui preso na época do golpe do Pinochet. Quem me libertou? O governo italiano. Diretamente, fui para a Itália. É algo que até me emociona. Fui com toda a minha família. Isso me fez mais italiano ainda — disse.

Por sua vez, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) ofereceu-se para consolidar os laços de união e respeito com a Itália. Ao lembrar da última campanha eleitoral, disse que fake news acusavam sua família de ser contra os imigrantes.

— Uma mentira construída e repetida várias vezes com o único objetivo de tentar nos atacar politicamente — afirmou.

O senador Esperidião Amin (PP-SC) destacou a importância dos italianos para o desenvolvimento de Santa Catarina. E o embaixador da Itália, Antonio Bernardini, lembrou a contribuição do Brasil na defesa da democracia na Itália, com ênfase para a atuação da Força Expedicionária Brasileira durante a Segunda Guerra Mundial.

O pedido de realização da sessão especial foi apresentado por Anastasia e contou com o apoio dos senadores Tasso Jereissati (PSDB-CE), Rose de Freitas (Pode-ES), Jorge Kajuru (PSB-GO), Eliziane Gama (PPS-MA) e Nelsinho Trad (PSD-MS).

Estima-se que o Brasil recebeu mais de 1,5 milhão de imigrantes italianos, principalmente entre os períodos de 1860 e 1960. Segundo a embaixada italiana no Brasil, existiam no país em 2013 aproximadamente 30 milhões de descendentes de italianos no país.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2019/03/14/em-sessao-especial-senadores-e-embaixador-homenageiam-imigracao-italiana.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Ministro da Saúde faz balanço de 90 dias – Notícias

Michel Jesus/ Câmara dos Deputados Mandetta fez um balanço do ministério e anunciou ferramenta para …