UPA Pinheirinho atende 385 pacientes nas primeiras 24 horas – Prefeitura de Curitiba/PR

Depois da uma reforma completa, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Pinheirinho foi reaberta às 19h da última terça-feira (12/3) e nas primeiras 24 horas atendeu 385 pacientes.

Apesar de ser um local voltado ao atendimento de emergências, 74% dos casos (286 pacientes) eram não-urgentes. Por isso, os profissionais de saúde orientaram alguns pacientes a procurar as unidades básicas de saúde para continuar o tratamento.

Foi o caso da atendente de telemarketing Larissa Cordeiro Alves, 25 anos, que procurou a UPA nesta quarta-feira (13/3). “Eu estava com muitas dores nas costas. O médico me avaliou, receitou remédios e me pediu para ir à unidade de saúde para tratar a causa dessas dores”, contou.

Larissa elogiou a agilidade na prestação do serviço. “A UPA está mais bonita, ficou mais fácil de circular, mudaram a entrada, a sala do atendimento”, notou.

Início do atendimento

Na noite da terça-feira (12/3), na reabertura da UPA, uma pequena fila se formou em frente à unidade antes da abertura do portão. Até à meia-noite, foram 78 pacientes atendidos – 69 deles de situações não-urgentes. Nesses casos a espera pode ser maior, pois os pacientes em situação mais grave têm prioridade.

Na manhã da quarta-feira (13/3), a auxiliar de produção Ana Paula Garcia, 28 anos, levou o filho Ícaro, 3 anos, à UPA Pinheirinho por uma suspeita de pneumonia, uma das situações que foi priorizada. “Não esperei nada. Ele já fez exames, recebeu os primeiros medicamentos e esperamos a reavaliação do médico”, contou ela, enquanto o menino recebia inalação.

A empregada doméstica Marli Fernandes, 42 anos, levou a filha Luana, 8 anos, que sentia fortes dores no abdômen. “Foi tudo muito rápido. O médico receitou um remédio e pediu para marcar consulta na unidade de saúde se essas dores ficarem frequentes”, contou.

 

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/upa-pinheirinho-atende-385-pacientes-nas-primeiras-24-horas/49586.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Prefeitura homologa as inscrições para Feira do Peixe da Capital

A prefeitura de Porto Alegre, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), publicou …