Discursos de autoridades convidadas pedem respeito à advocacia e ao Judiciário – OAB

Nesta terça-feira, durante a sessão de posse solene da Diretoria do Conselho Federal da OAB e dos conselheiros e conselheiras federais, os discursos das autoridades convidadas foram marcados por pedidos de respeito à atividade profissional de advogadas e advogados, bem como ao Poder Judiciário e seus atores. Falaram o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha – ex-presidente da OAB-DF e ex-secretário-geral do Conselho Federal da OAB – e o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.

Ibaneis Rocha abriu os pronunciamentos dos convidados. “Falo como governador, ou seja, licenciado da Ordem, mas sempre falo como advogado. A diretoria que agora toma posse tem à frente um grande advogado, lutador, que valoriza a Justiça Trabalhista, os direitos humanos e todos os demais temas importantes. O sentimento com que falo aqui nesta noite é o de um homem que aprendeu na advocacia a enfrentar dificuldades para trazer alegria às pessoas. Este momento, entretanto, tem tristezas. É hora de abraçarmos o STF e o Judiciário, pois é lamentável ver eleitos pelo povo se colocando na posição de atacar a justiça, ao que parece buscando instabilidade para o país. Não é assim que vamos avançar na democracia brasileira. O Poder Judiciário brasileiro é digno e tem passado a limpo este país”, disse. 

Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ressaltou o caráter essencial ao Estado Democrático de Direito de que goza a OAB. “O advogado reconcilia o cidadão com a sociedade. Função das mais nobres que tive a honra de exercer até nove anos e meio atrás. Em meu discurso de posse no STF, eu disse e aqui reafirmo: ‘os advogados são os primeiros juízes das causas’. É ele quem emerge como agente de defesa da cidadania e da democracia, atuando como intermediário entre Estado e cidadão. A democracia brasileira, com o apoio da advocacia, tem construído dia a dia a cidadania. Deixo à nova diretoria votos de que os próximos três anos sejam de efetivo trabalho e contribuições à democracia”, apontou.

Presenças

Além deles, compuseram a mesa de honra o vice-presidente nacional da OAB, Luiz Viana Queiroz; o secretário-geral José Alberto Simonetti; o secretário-geral adjunto Ary Raghiant Neto; o diretor-tesoureiro, José Augusto Araújo de Noronha; os Membros Honorários Vitalícios Claudio Lamachia, Reginaldo Oscar de Castro, Roberto Antonio Busato, Cezar Britto, Ophir Cavalcante Junior e Marcus Vinicius Furtado Coêlho; o coordenador do Colégio de Presidentes, Paulo Maia; o coordenador nacional das Caixas de Assistência, Pedro Alfonsin; o diretor-geral da ENA, Ronnie Preuss Duarte; o presidente do Fida, Felipe Sarmento; e a coordenadora de Comunicação do Conselho Federal da OAB, Fernanda Marinela. 

Também estiveram na mesa o senador Rodrigo Pacheco, representando a presidência do Senado; os ministros do STF Ricardo Lewandowski, Cármen Lúcia, Luis Roberto Barroso; o corregedor nacional de Justiça, Humberto Martins; o advogado-geral da União, André Luiz de Almeida Mendonça; a conselheira federal decana Cléa Carpi da Rocha; o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Sérgio da Rocha; o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha; e o presidente em exercício do TRF-1, desembargador Cassio Nunes Marques. 

Ainda na mesa, estiveram o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), João Batista Brito Pereira; os ministros do TST Guilherme Caputo Bastos, Delaíde Arantes, Alexandre Agra Belmonte, Cláudio Mascarenhas Brandão; o segundo vice-presidente do IAB, Sidney Oliveira Sanches; o defensor público do Estado do Rio de Janeiro, Pedro Carriello; o advogado Paulo Roberto de Gouveia Medina; o ministro do STJ, Antônio Carlos Ferreira; e representantes diplomáticos e da advocacia de Angola, Bolívia, Guiné-Bissau, Estados Unidos, Bélgica, Colômbia e da União Internacional de Advogados.

Fonte Oficial: http://www.oab.org.br/noticia/57071/posse-solene-discursos-de-autoridades-convidadas-pedem-respeito-a-advocacia-e-ao-judiciario.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

“A reforma tributária não pode aniquilar estados e municípios”, diz presidente da comissão de direito tributário – OAB

Brasília – A Comissão Especial de Direito Tributário realizou na tarde desta terça-feira (23) sua …