Profissionais debatem o currículo para Educação Infantil – Prefeitura de Curitiba/PR

A Secretaria Municipal da Educação deu início, nesta segunda-feira (15/4), ao Ciclo de Palestras “A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e a construção do currículo para a Educação Infantil da Rede Municipal de Ensino”. Até julho, os profissionais que atuam com crianças de 0 a 5 anos participarão de encontros com especialistas para discutir a elaboração do Currículo da Educação Infantil.

A primeira rodada de discussões, no Teatro Bom Jesus, no Centro, foi com a pós-doutora Maria Carmem Silveira Barbosa, que atuou na construção das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (2009) e da BNCC da Educação Infantil (2017).

O objetivo é preparar os profissionais para a construção coletiva do documento que representará um marco histórico na educação infantil do município e servirá para organizar o trabalho pedagógico nas unidades.

“O currículo precisa ser vivo, com foco no protagonismo da criança, nas suas experiências e saberes. A atuação do professor deve ser a de articulador dos saberes”, disse Maria Carmem.

Com a nova Base Nacional Comum Curricular – que norteia os currículos dos sistemas e redes de ensino e as propostas pedagógicas de todas as escolas públicas e privadas de todo o país – o currículo torna-se obrigatório.

Segundo a especialista, as diretrizes e currículos desencadeiam um movimento de reflexão necessário à qualidade da educação. “O desafio com a BNCC é pensar no contexto local, na diversidade dos municípios, mas com a valorização de cada criança”, destacou. 

Consultas pela internet

O ciclo de palestras faz parte das ações feitas pela Secretaria para a elaboração do currículo. O documento está sendo escrito por uma comissão formada por 28 representantes de profissionais da rede envolvidos com a educação infantil, mas terá a contribuição dos demais por meio de consultas pela internet e nos núcleos de educação.

“Teremos a representatividade da rede na construção da proposta e paralelamente ao movimento às palestras para fundamentar os profissionais e ampliar a discussão e a consolidação do nosso Currículo”, explicou a diretora do Departamento de Educação Infantil, Kelen Collarino.

As próximas rodadas serão com Mônica Correia Baptista, no dia 22 de maio, e Paulo Fochi, em 16 de junho. “Este é um movimento importante que amplia nossos horizontes e nos faz refletir sobre nosso papel na garantia dos direitos à aprendizagem das crianças”, disse Gislaine Carvalho, diretora do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Ivo Arzua, no Xapinhal.

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/profissionais-debatem-o-curriculo-para-educacao-infantil/50019.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

12ª Região de Participação Popular debate questões relacionadas a desenvolvimento urbano

Nesta terça-feira (7), os moradores dos bairros e comunidades da 12ª Região de Participação Popular …