CDR promove audiência sobre recursos minerais de Roraima — Senado Notícias

A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) vai promover uma audiência pública na próxima quinta-feira (9), às 10h, para debater os estudos realizados pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) Serviço Geológico do Brasil no estado de Roraima. A CPRM é uma empresa vinculada ao Ministério de Minas e Energia, que tem foco na pesquisa de recursos minerais para o desenvolvimento sustentável do país.

O senador Chico Rodrigues (DEM-RR), que sugeriu a audiência, destaca que Roraima é rico em minerais estratégicos como estanho, tântalo, elementos terras-raras e rochas ornamentais. Segundo o senador, os levantamentos geológicos desenvolvidos pela CPRM correspondem a uma atividade estratégica que são úteis à descoberta e ao gerenciamento dos recursos minerais. Ele diz que é preciso incluir a pesquisa mineral na pauta do Senado. “Estamos buscando o conhecimento nessa área para fomentar as pesquisas sobre as nossas riquezas”, conclui.

Convidados

Para a audiência, estão convidados três representantes da CPRM: o diretor-presidente, Esteves Colnago; o diretor de Geologia e Recursos Minerais, José Leonardo Andriotti e o pesquisador Antônio Charles Oliveira, do setor de Geociências.

A audiência será realizada na sala 13 da Ala Senador Alexandre Costa e terá caráter interativo, com a possibilidade de participação popular por meio do portal e-Cidadania ou pelo telefone do Alô Senado (0800 612211).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2019/05/03/cdr-promove-audiencia-sobre-recursos-minerais-de-roraima.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Comprador de carro com qualquer tipo de deficiência poderão ter isenção de IOF — Senado Notícias

Comprador de carro com qualquer tipo de deficiência poderão ter isenção de IOF …