Cohab transforma a Vila Nori e a antiga ocupação irregular dá lugar a parque – Prefeitura de Curitiba/PR

Um projeto da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) está transformando a realidade na Vila Nori, no Pilarzinho. Uma área de morro e fundo de vale antes habitada irregularmente está se tornando um espaço de lazer e respeito ao meio ambiente.

“Transferimos para um novo empreendimento habitacional as 156 famílias que viviam aqui de maneira precária, sob risco de deslizamentos e enchentes. Agora estamos fazendo a abertura de ruas e obras de infraestrutura e de recuperação ambiental”, explica o presidente da Cohab José Lupion Neto.

Em setembro de 2018 as últimas famílias que viviam na área irregular foram transferidas para o conjunto Moradias Maringá, no Cachoeira. O empreendimento, que estava com as obras paralisadas, foi retomado e concluído por determinação do prefeito Rafael Greca.

Na Vila Nori, as moradias irregulares foram demolidas, os entulhos removidos e a região já começa a ganhar um novo cenário. As margens do córrego estão recebendo o plantio de grama e de árvores. Muros de contenção estão sendo construídos devido à grande inclinação do terreno e está sendo executada a terraplanagem e sistema de drenagem pluvial.

A atendente escolar Luzia Rodrigues Ramos, 37 anos, mora há uma década na Vila Nori, no trecho sem restrições habitacionais. Segundo ela, o transtorno temporário das obras será recompensado.

“Logo as benfeitorias vão aparecer, com ruas novas, ciclovia e o parque. É um projeto completo, pois melhorou para quem saiu e também vai melhorar para quem permaneceu aqui”, destaca.

Recuperação urbana e ambiental

Em meio ao morro e nas margens do córrego, as famílias viviam de maneira bastante adensada, o que acabou degradando o meio ambiente. Com a área liberada será possível a implantação de um espaço de lazer que vai contar com ciclovia, bancos de eucalipto, parquinho infantil com escorregador, gangorra, labirinto, brinquedo de troco, paisagismo e iluminação.

Nas ruas internas da Vila Nori está previsto novo sistema viário com abertura de ruas, pavimentação, calçadas em paver, drenagem pluvial, lixeiras externas, novas redes de abastecimento de água e de esgotamento sanitário.

Morador local há 20 anos, o gerente comercial Fábio Garcia, 44, está ansioso para ter na vizinhança um espaço de lazer para os filhos Mateus e Mariana. “Da nossa casa será uma visão totalmente diferente. Era triste ver como aquelas pessoas viviam, mas felizmente hoje elas estão em uma condição melhor e nós vamos ganhar uma área verde e de lazer”, afirma.

Investimento

O investimento para a construção das novas casas e para a urbanização e recuperação ambiental da Vila Nori é de R$ 8,7 milhões, recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), com contrapartida do município. O projeto faz parte de um programa maior realizado pela Prefeitura em parceria com o BID – o Pró-Cidades, que totaliza U$ 100 milhões em investimentos.

Foram financiadas 19 obras na cidade, como a revitalização das avenidas Fredolin Wolf e Manoel Ribas, a implantação do binário Chile-Guabirotuba e da trincheira da Gustavo Rattman, a construção do Moradias Maringá I e II (199 unidades), do Moradias Alamanda (74 unidades), da Rua da Cidadania do Cajuru, dos Clubes da Gente de Santa Felicidade e Boa Vista, e a urbanização e recuperação ambiental das vilas Acrópole e Nori.

 

 

Fonte Oficial: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/cohab-transforma-a-vila-nori-e-a-antiga-ocupacao-irregular-da-lugar-a-parque/50232.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Rua Sepé Tiaraju terá sentido único para recuperação da via

 Na segunda-feira, 15, a partir das 9h, a rua Sepé Tiaraju (bairro Medianeira) passará a …