Polos de agricultura irrigada serão apoiados pelo governo para desenvolver regiões — Governo do Brasil

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) publicou, na terça-feira (30), a Portaria nº 1.082/2019, que estabelece a iniciativa ‘Polos de Agricultura Irrigada’ como parte integrante das ações da Política Nacional de Irrigação. A estratégia do MDR será alavancar o desenvolvimento dos setores produtivos já existentes, organizando e focando esforços e investimentos nessas localidades do País.

O objetivo é apoiar o setor produtivo em áreas onde a agricultura irrigada tem sido indutora de desenvolvimento e geração de emprego e renda. São pré-requisitos para a seleção: existir organização social na área, com associação de irrigantes organizada; ter representatividade na agricultura irrigada, com destaque na produção estadual ou regional; e ter potencial de aprofundamento tecnológico, de inovação e de expansão.

Após a seleção de um polo de agricultura irrigada pelo MDR, o processo segue algumas etapas. Inicialmente deve ocorrer o reconhecimento por meio de portaria publicada no Diário Oficial da União. Em seguida, são identificadas as lideranças locais e estabelecidas redes de colaboração institucional com entidades de ensino e pesquisa, empresas públicas e privadas, bancos de desenvolvimento, entre outros. Na próxima fase é realizada uma oficina de planejamento estratégico reunindo os diversos públicos envolvidos para definição de área de abrangência, visão de futuro, carteira de projetos e indicação do Grupo Gestor. A próxima etapa é apoiar a viabilização das carteiras de projetos dos polos, em parceria com os grupos gestores, por meio de recursos próprios e parcerias públicas e privadas.

Os polos de produção irrigada da Bacia do Rio Santa Maria (Rio Grande do Sul) e do Vale do Araguaia (Goiás) já realizaram a oficina de Planejamento Estratégico. O primeiro alcança cerca de 120 mil hectares nos municípios de Cacequi, Lavras do Sul, Dom Pedrito, Rosário do Sul, São Gabriel e Santana do Livramento. Já o segundo integra mais de 100 mil hectares nas cidades de Britânia, Jussara, Santa Fé e Montes Claros de Goiás.  Em junho, será instalada a unidade da região de Cristalina (Goiás). Até o fim do ano, há a previsão de que os polos do Oeste da Bahia e o de Sorriso, este em Mato Grosso, também entrem no processo.

Essas localidades foram selecionadas com base no adensamento de irrigação e da produção agrícola. “A partir daí, entramos em contato com associações locais, realizamos um diagnóstico sobre as principais necessidades e demandas dos produtores da região e agendamos uma oficina em uma região estratégica. Esse encontro é fundamental para oficializar a criação daquele Polo, planejar suas ações e criar um Conselho Gestor”, explica o coordenador de Projetos e Polos de Irrigação da Secretaria de Desenvolvimento Regional e Urbano (SDRU), Antônio Leite.

Política Nacional de Irrigação

Instituída pela Lei nº 12.787/2013, a Política Nacional de Irrigação tem como objetivo organizar o marco legal para a gestão de projetos públicos irrigados, sendo sua principal diretriz a indução à eficiência no uso de recursos hídricos para o setor. Além disso, reforça estratégias para o desenvolvimento da agricultura irrigada, visando ao aumento da produtividade, de forma sustentável, e a redução de riscos climáticos para a agropecuária e a importância das parcerias entre os setores público e privado para ampliar a área irrigada do País.

Fonte: Ministério do Desenvolvimento Regional 

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/Rss-CidadaniaEJustia/~3/kKrxShVH9Tw/polos-de-agricultura-irrigada-serao-apoiados-pelo-governo-para-desenvolver-regioes.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Ações sobre expurgos em que partes não aceitam acordo coletivo poderão tramitar no STJ – AASP

A Segunda Seção autorizou a tramitação regular, no Superior Tribunal de Justiça (STJ), dos recursos …