Curitiba passa a integrar rede nacional de corregedorias – Prefeitura de Curitiba/PR

Curitiba é a oitava capital brasileira a aderir ao Programa de Fortalecimento de Corregedorias (Procor), do governo federal. A assinatura do termo de adesão aconteceu nesta terça-feira (11/6), no gabinete do prefeito Rafael Greca, com a presença da procuradora-geral do município, Vanessa Volpi. 

Com o documento, a capital paranaense passa a ter acesso a informações geradas pela Rede de Corregedorias – formada pela Corregedoria-Geral da União e pelas corregedorias-gerais dos estados, municípios e de outros poderes da União que aderirem ao programa. 

Além da troca de experiências, é possível participar de cursos e treinamentos, receber materiais técnicos e orientativos para atividades correcionais e acesso aos sistemas informatizados da Corregedoria-Geral da União-CRG.

Para o prefeito Rafael Greca, a administração vai ficar ainda mais transparente com a medida. “Vamos treinar nossos procuradores e funcionários em busca da lisura e transparência previstas na Constituição”, disse. 

A procuradora-geral do município destacou que a adesão vai possibilizar a padronização da atuação dos órgãos de corregedoria. “Já atuamos com as nossas comissões de sindicância e processo administrativo com eficiência. A ideia é manter esse ritmo, com as orientações da rede nacional”, afirmou.

Em construção

Um grupo de trabalho instituído pelo Decreto 1992/2017, assinado pelo prefeito Rafael Greca, já trabalha na elaboração do projeto de implantação da Controladoria-Geral do Município. O mesmo grupo discute a implementação do sistema de corregedoria na cidade e o Programa Municipal de Compliance.

O material está em construção, mas as medidas já vêm sendo adotadas em Curitiba, lembra a chefe de gabinete do prefeito, Cibele Fernandes Dias, que faz parte da comissão instituída pelo decreto. “Com a adesão ao programa e a futura implantação da Controladoria Geral do Municipio, a ideia é aprimorar nossos controles internos”, reforçou.

Acompanharam a assinatura a subprocuradora-geral do município, Rosa Maria Alves Pedroso; e Iara Gauer e Itamara Mary Chedid, da Controladoria do Município.

Procor

Instituído pela Portaria 1.000/2019, o Procor tem como objetivo fortalecer mecanismos de controle interno para auxiliar entidades da União, Distrito Federal, Estados e Municípios nas atividades correcionais. A participação é voluntária, mediante assinatura do Termo de Adesão.

Curitiba foi convidada a fazer parte do programa em uma visita do corregedor-geral da União, Gilberto Waller Junior, à cidade, no mês de abril. No início de maio, a primeira reunião da Rede de Corregedorias realizada em Brasília já contou com representantes de Curitiba.

Diversas unidades responsáveis pelas atividades correcionais de instituições federais, estaduais e municipais, inclusive do poder legislativo e judiciário, já aderiram ao programa. 

 

Fonte Oficial: https://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/curitiba-passa-a-integrar-rede-nacional-de-corregedorias/50946.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Luciano Cartaxo entrega 190 títulos de regularização fundiária e beneficia quase 800 pessoas no Muçumagro

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, entregou, na manhã deste sábado (17), mais 190 …