Senado aprova magistrados escolhidos pelo STJ para compor Conselho Nacional de Justiça – STJ

O plenário do Senado Federal aprovou na noite desta quarta-feira (10) os nomes do desembargador federal Rubens de Mendonça Canuto Neto e da juíza federal Candice Lavocat Galvão Jobim para ocupar vagas no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), no biênio 2019/2021. As indicações foram feitas em junho pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), cumprindo previsão da Constituição. 

Na votação do Senado, Candice Galvão Jobim obteve 58 votos favoráveis e cinco contrários. Rubens Canuto Neto teve 59 votos a favor e quatro votos contrários. A nomeação dos novos membros do CNJ será feita pelo presidente da República. 

Perfis

Membro do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), Rubens de Mendonça Canuto Neto é formado pelo Centro de Estudos Superiores de Maceió e especialista em direito tributário pela Fundação Getulio Vargas. Ingressou na carreira de juiz federal em 2002.

A juíza Candice Lavocat Galvão Jobim está lotada na Segunda Turma Recursal da Seção Judiciária de Goiás. Antes de se tornar magistrada, em 2005, foi procuradora da Fazenda Nacional. É mestre em direito pela Universidade do Texas, nos Estados Unidos.

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/oEPxCPaT98g/Senado-aprova-magistrados-escolhidos-pelo-STJ-para-compor-Conselho-Nacional-de-Justi%C3%A7a.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

STJ na estrada: decisões da corte contribuem para o sistema de transporte de cargas no Brasil – STJ

​A logística está presente em todas as etapas do processo de produção de bens. Após …