Jovens aprendem a fazer vídeo currículo e outras técnicas para disputar emprego – Prefeitura de Curitiba/PR

O estudante Luiz Bento, 16 anos, liga a câmera do celular e faz o enquadramento como se fosse uma selfie. No lugar de mostrar sua rotina em casa ou com os amigos, ele vai discorrendo sobre a sua formação escolar e a razão de fazer a gravação.

O vídeo currículo ainda é um formato novo no Brasil, mas Bento e outros 14 adolescentes já fazem este modelo de apresentação de forma firme, clara e com simpatia. Todos estão frequentando, na Rua da Cidadania do Pinheirinho, as aulas gratuitas do Mobiliza, projeto da Prefeitura voltado à preparação de jovens e adultos de baixa renda para o mundo do trabalho.

O programa, que abre turmas mensalmente, é ofertado a pessoas cadastradas nos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), nos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) ou nos Centros POP da Fundação de Ação Social (FAS). A turma de Lucas começou há duas semanas e termina no fim de julho.

Segundo Claudete Atolini, técnica de referência do Mundo do Trabalho do Núcleo da FAS na Regional Pinheirinho, o Mobiliza busca mais do que preparar os participantes para disputar uma vaga no mercado de trabalho. A principal missão do programa, destaca ela, é promover uma transformação interna nos jovens e adultos.

“Muitas vezes a pessoa vive uma realidade difícil e não tem incentivo. Nosso papel no Mobiliza é o de mudar o olhar, mostrando aos jovens e adultos um novo mundo. Assim a transformação acontece também nas famílias e na comunidade”, explica Claudete.

Módulos

Para que a transformação interna ocorra, o Mobiliza funciona em três módulos que ocorrem em até dez encontros.

Nessas ocasiões, facilitadores capacitados pela FAS repassam conceitos de liderança, relação interpessoal, gestão financeira e outros aspectos do mercado de trabalho, abordando temas como cuidado pessoal, como fazer um currículo e como se comportar em uma entrevista de emprego.

“O programa também busca trabalhar com o aumento da confiança e autoestima, permitindo uma maior autonomia dos participantes na busca por um trabalho remunerado”, reforça Claudete.

“Pude aprender coisas que parecem simples agora, mas que antes eu não tinha noção, como preparar um currículo impresso e um vídeo currículo. Também aprendi como me portar em uma entrevista de emprego”, conta o estudante Luiz Bento, que mora com a família no Novo Mundo e sonha em trabalhar na área de Tecnologia da Informação.

Para a estudante Kauani Alves Martins Cordeiro, 15 anos, as aulas do Mobiliza na Regional Pinheirinho estão ajudando a aumentar a confiança. “Hoje me sinto mais preparada para conseguir trabalho. Se tirei uma grande lição? É que eu preciso ser mais objetiva nas minhas escolhas e também ao responder as perguntas de uma entrevista de emprego”, avalia a jovem, que já preparou um novo currículo para tentar uma vaga de jovem aprendiz em uma empresa próxima de casa, no Capão Raso.

Serviço

Podem participar do Mobiliza adultos e adolescentes a partir de 14 anos cadastrados nos Cras, Creas ou Centros POP.

As próximas turmas na Regional Pinheirinho estão programadas para agosto e jovens interessados em participar devem procurar as unidades do Cras (Pinheirinho e Novo Mundo) e do Creas (Capão Raso). As aulas ocorrem, três vezes por semana, das 13h30 às 16h30, nos dois Cras da Regional.

Os endereços estão disponíveis no site.

Fonte Oficial: https://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/jovens-aprendem-a-fazer-video-curriculo-e-outras-tecnicas-para-disputar-emprego/51408.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Rua da Cidadania do Cajuru retoma o Encontro dos Artistas – Prefeitura de Curitiba/PR

    Recomeça nesta quinta-feira (25/10), às 19h, no auditório da Rua da Cidadania do …