Com nova sede, CRAS Vila Verde melhora atendimento a 425 famílias por mês – Prefeitura de Curitiba/PR

O Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Vila Verde ganhou um novo prédio. A unidade que atende pessoas em situação de vulnerabilidade social, na CIC, ficou maior, teve espaços revitalizados e passou a contar até com uma nova quadra de esportes, usada principalmente por crianças e adolescentes.

As mudanças permitiram qualificar os serviços e melhorar o atendimento de 425 famílias, em média, que procuram todos os meses o local. A unidade está instalada em uma área da Vila Verde onde já funcionava a Casa da Comunidade e um pequeno espaço para atividades com crianças e adolescente.

“É uma grande alegria reinaugurar o Cras Vila Verde, um espaço de resgate social, de apoio e convívio das famílias dessa região tão populosa da nossa cidade”, disse o prefeito Rafael Greca, na entrega no novo prédio, nesta quarta-feira (17/7).

Greca conheceu o adolescente Gabriel Bastos, que havia pedido, em maio, reformas no espaço usado pelas crianças e adolescentes, durante uma visita do presidente da FAS, Thiago Ferro, ao local. “Depois de conseguir a reforma do Cras, Gabriel é um forte candidato a ocupar um cargo de vereador em Curitiba”, brincou o prefeito.

Nervoso por estar ao lado do prefeito e diante de tantas pessoas, Gabriel agradeceu as melhorias.

“Estamos muito felizes porque antes a gente passava frio e, quando chovia, alagava tudo e não dava para fazer atividades”, explicou Gabriel.

Gabriel se referia a um pequeno espaço usado por 22 adolescentes e 25 crianças que participam do serviço de convivência, que estava com o telhado comprometido. Reformado, o local ganhou janelas, vidros, a melhoria da cobertura e uma nova pintura.     

Estrutura

Com a construção do novo prédio, o Cras Vila Verde passou a ocupar um espaço de 200 m2. A obra custou R$ 200 mil e contou com recurso do Governo Federal (R$ 194 mil).

A contrapartida financeira do município foi de 3% do valor total do projeto (R$ 6 mil), que atende às exigências de estrutura do Ministério de Desenvolvimento Social.

Quem foi à inauguração pode conhecer a história do Cras Vila Verde, inaugurado em 2005, por meio de uma exposição de fotos. Como os demais 38 Cras existentes em Curitiba, a unidade é responsável pela organização e oferta de serviços socioassistenciais na região onde está instalada. Desenvolve programas e projetos para a comunidade e têm a missão de articular e fortalecer a rede de proteção social, prevenir situações de risco e fortalecer os vínculos das famílias e da comunidade.

Cantoria afinada

Animado com mais uma obra entregue para a população, Greca falou da situação confortável de Curitiba, que, mesmo com as dificuldades vividas pelo país, consegue manter serviços importantes na cidade, como a distribuição de medicamentos nas unidades de saúde e a pavimentação de ruas.

Embalado por José Otto, no acordeon, José Realino, no violão, e Maria Aparecida Trindade, no pandeiro – que fizeram uma apresentação cultural – Greca cantou a música As Mocinhas da Cidade, de Belarmino e Gabriela.

O prefeito também encontrou e conversou com a irmã Dionísia Brod, uma de suas professoras do ensino fundamental, no Colégio Medianeira. Moradora da Vila Verde, Dionísia ajuda hoje famílias da região.   

Presenças

A cerimônia contou com a presença do presidente da FAS, Thiago Ferro, do secretário de Obras Públicas, Rodrigo Rodrigues, do administrador regional CIC, Raphael Keiji, e dos vereadores Colpani, Oscalino do Povo, Edson do Parolin e Toninho da Famárcia.

E, ainda, do presidente do Instituto Robert Bosch, Dirceu Puehler, e da presidente de Promoção Social da Abba, Celina Verde, que desenvolve um projeto com crianças e adolescentes no Cras. Da FAS, estiveram também a supervisora do Núcleo da CIC, Alessandra Lopes Pelim, e a diretora de Proteção Social Básica, Cintia Auman.  

Fonte Oficial: https://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/com-nova-sede-cras-vila-verde-melhora-atendimento-a-425-familias-por-mes/51541.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Obras de requalificação do mercado do Geisel vão promover mais acessibilidade e higiene

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) avança com obras de requalificação do Mercado do …