Bruna Surfistinha diz que Bolsonaro faz ‘declaração infeliz’ – Congresso em Foco

A DJ Raquel Pacheco, conhecida pelo nome de Bruna Surfistinha, rebateu nesta sexta-feira (19) o presidente Jair Bolsonaro por conta de uma crítica que ele fez à adaptação para os cinemas de seu livro “O Doce Veneno do Escorpião”.

Na quinta-feira (18), Bolsonaro usou o filme de exemplo para indicar que a Ancine (Agência Nacional de Cinema)  estimula a produção de filmes que não deveriam ser feitos.

“Antes dele fazer juízo de valor sobre os outros, deveria cuidar da moral da própria família e do nosso país.Ele está cuidando demais do que não precisa e fazendo pouco do que é realmente necessário pra termos um país melhor”, disse Raquel em seu Twitter.

O político do PSL avalia em transformar a Ancine em secretaria de algum ministério. Ele já confirmou que vai transferir a sede da agência do Rio de Janeiro para Brasília e que adotará um filtro nas produções.

“Se não puder ter filtro, nós extinguiremos a Ancine, privatizaremos ou extinguiremos”, disse em evento no Ministério da Cidadania nesta sexta.

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Provimento da Corregedoria define prazo para comunicação de óbitos ao INSS pelos cartórios – AASP

A Corregedoria Geral de Justiça do Rio Grande do Norte editou provimento que modifica o …