Armazéns da Família completam 30 anos com foco na alimentação saudável – Prefeitura de Curitiba/PR

Os 30 anos de criação do programa Armazém da Família foram celebrados de forma especial, nesta quarta-feira (24/7), no Armazém da Família Boa Vista. Teve bolo, festa e uma homenagem à senhora Rosa Grozecki Lesiniakoski, que vai completar 100 anos no dia 5 de agosto. 

Desde que surgiu o programa em Curitiba, há 30 anos, dona Rosa faz compras no Armazém da Família. Nesta quarta, a moradora do Santa Cândida, descendente de poloneses, ganhou duas cestas com produtos do Armazém da Família Boa Vista. 

Na ocasião o prefeito Rafael Greca também lançou o programa Saúde na Nota, que vai ajudar às 260 mil famílias atendidas nos 33 Armazéns da Família da cidade a se alimentar com comida mais saudável. 

O programa da Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (SMSAN) dará dicas sobre quais grupos alimentares consumir diariamente, o que deve ser consumido com moderação e quais produtos devem ser evitados.

Os mais de 300 produtos vendidos nos Armazéns da Família foram classificados em 3 categorias: in natura ou minimamente processado, processado e ultraprocessados, seguindo a classificação do Guia Alimentar da População Brasileira. 

A cada compra será impressa uma lista com o tipo de produtos adquiridos pelo usuário. Caso as quantidades dos tipos processados ou de ultraprocessados estiverem elevadas, serão impressas frases orientativas na nota fiscal.

“Esse novo dispositivo da Secretaria de Segurança Alimentar e Nutricional, de dar notas para aquilo que é consumido nos Armazéns da Família vai permitir às famílias controlar a qualidade da sua alimentação”, disse o prefeito Rafael Greca. 

 

Freguesa centenária

Na festa Dona Rosa foi acompanhada da filha Célia Regina para receber a homenagem da Prefeitura. “Aqui os produtos são bons, têm bastante variedade. Hoje vou levar farinha, açúcar e ovos para fazer ceroula virada”, disse a quase centenária.

O prefeito Rafael Greca elogiou a saúde e vitalidade da dona Rosa. “Ela é a verdadeira mocinha da cidade. Por isso pedi pra Banda Lyra vir aqui tocar Parabéns para Você para dona Rosa”, disse.

 

Sacolas retornáveis

Outra ação inovadora que marca os 30 anos do programa Armazéns da Família é a retirada de sacolas plásticas, optando pela opção de uso de sacolas retornáveis ou caixas de papelão para levar as compras.

Com esta medida, serão retirados da natureza 12 milhões de sacolas plásticas, cujo destino são os aterros ou os descartes irregulares em rios, em terrenos baldios, galerias e praças da cidade.  Por mês, Curitiba retira 120 toneladas de lixo dos rios, sendo que parte dos resíduos é de sacolas plásticas.

Nas 33 lojas estão sendo vendidos 3 tipos de sacolas retornáveis, feitas de materiais diferentes, com preços de R$ 1,59, R$ 2,59 a R$ 9,90. As sacolas têm capacidade armazenar 18 kg de compras e por seu design podem ser usadas em outras atividades além da compra nos armazéns.

Presenças

Também participaram das celebrações dos 30 anos dos Armazéns da Família e da homenagem a dona Rosa Grozecki Lesiniakoski, o vice-prefeito Eduardo Pimentel, o secretário municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, Luiz Gusi, a diretora do Departamento de Promoção e Economia Alimentar, Ivone Aparecida de Melo, a chefe de Núcleo da SMSAN Boa Vista, Maria Del Carmen Pastor dos Santos, o diretor da Unidade de Feiras, Luiz Maskow, o secretário do Esporte, Lazer e Juventude, Emilio Trautwein, a administradora regional do Boa Vista, Janaína Lopes Gehr, e os vereadores Edson do Parolin, Colpani, Pier Petruzziello e Julieta Reis.

 

Fonte Oficial: https://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/armazens-da-familia-completam-30-anos-com-foco-na-alimentacao-saudavel/51646.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Curitibinhas discutem educação no trânsito e uso da bicicleta – Prefeitura de Curitiba/PR

Estudantes do 5° ano da Escola Municipal Sady Souza, no Sítio Cercado, vão percorrer as …