Prefeito destaca processo social da inovação em prêmio entregue em São Paulo – Prefeitura de Curitiba/PR

O prefeito Rafael Greca recebeu na noite desta segunda-feira (22/7), em São Paulo, o prêmio InovaCidade 2019, concedido à Curitiba em decorrência da implantação dos Faróis do Saber e Inovação – os espaços maker equipados com impressoras 3D para criação de protótipos, utilizados por alunos da rede municipal de ensino.

A premiação, que está em sua sétima edição, ocorreu durante o Business Brazil Congress & Expo, promovido pelo Instituto Smart City Business America. Greca estava acompanhado pela presidente da Agência Curitiba, Cris Alessi, e pela secretária de Educação, Maria Sílvia Bacila. 

“Ficamos encantados com a perspectiva de sonhar um Brasil onde a inovação seja um processo social compartilhado”, disse o prefeito ao receber o prêmio.

“Um processo que se aprende na escola e nos faz olha a grandeza deste país com a dimensão mais ampla do horizonte”, completou. “Horizonte que em grego quer dizer ‘até onde se enxerga’. Que o Brasil enxergue longe.”

Também participaram do evento o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, e o secretário- geral do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Julio Semeghini. O chairman do encontro foi Leopoldo Albuquerque

Critérios

O prêmio é um reconhecimento de projetos e práticas inovadoras que apresentam impactos positivos na melhoria da vida nas cidades.

“Começamos com os Faróis do Saber ainda em 1994,  e agora estamos evoluindo para um modelo inovador, que permite que os curitibinhas possam ter acesso a impressoras 3D e à cultura maker”, lembra o prefeito. 

De acordo com Cris Alessi, a proposta dos Faróis está alinhada ao conceito do Vale do Pinhão – movimento que faz parte do ecossistema de inovação da cidade – e a tendências nacionais e internacionais em tecnologia educacional, com foco na aprendizagem criativa. 

“Os Faróis do Saber e Inovação são locais de descoberta, exploração e empoderamento dos estudantes da Rede Pública de Educação. É a inovação tecnológica ao alcance dos alunos”, disse. 

Mão na massa

O objetivo é criar espaços de inovação baseados no conceito da educação maker (mão na massa). Antes estruturas com livros e acesso à internet, agora os faróis oferecem também impressoras 3D para criação de protótipos, com a orientação de professores da rede municipal que passam por formação continuada. 

“Curitiba se orgulha por estar na vanguarda da educação mão na massa, com robótica e impressoras 3D”, destaca a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila. 

Até o final deste ano a cidade contará com 33 unidades no modelo inovação. Dezenove já foram entregues. O investimento da Prefeitura de Curitiba nas adequações dessas unidades é de R$ 2,1 milhões. 

Destaque

Em 2018, o projeto Faróis do Saber e Inovação, lançado pelo prefeito Rafael Greca no início da gestão, ficou entre os selecionados do Desafio Aprendizagem Criativa 2018 promovido pela Fundação Lemann e o Massachusetts Institute of Technology (MIT) Media Lab.

Prêmio

Em sua 7ª edição, o prêmio InovaCidades recebeu 53 inscrições. O prêmio faz parte da agenda do Smart City Business Brazil Congress & Expo, que acontece até 24 de julho em São Paulo.

O evento reúne todo ecossistema de cidades inteligentes, reunindo líderes do setor público, especialistas em iniciativas inovadoras e transformadoras, empresários, empreendedores, representantes de governos e agências, possibilitando a troca de experiências, compartilhamento de ideias, soluções e casos de sucesso. 

 

Fonte Oficial: https://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/prefeito-destaca-processo-social-da-inovacao-em-premio-entregue-em-sao-paulo/51614.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Ônibus oferece testes de HIV, sífilis e hepatites na Orla

A unidade móvel do projeto Fique Sabendo orienta sobre prevenção, faz distribuição de preservativos e …