Lei de Inelegibilidades é assunto do Conexão Eleitoral — Tribunal Superior Eleitoral

O programa desta semana destaca que a Lei de Inelegibilidades completou 29 anos de vigência. Também conhecida como Lei Complementar (LC) n° 64/1990, a norma é considerada um dos pilares da Legislação Eleitoral e reforça o combate à corrupção.

A edição traz, ainda, o avanço do cadastro biométrico. Com o objetivo de identificar todos os eleitores brasileiros por meio das impressões digitais na hora do voto, a Justiça Eleitoral está chegando à marca de 70% do eleitorado. O cadastramento das impressões digitais alcançou 69,57% pessoas nesta terça-feira (23), o que representa 101.709.041 dos 146.197.619 eleitores.

As ações sociais promovidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em prol da comunidade local também estão presente no Conexão Eleitoral. A edição destaca a Campanha do Agasalho, em benefício das pessoas carentes; o Programa de Aprendizagem, que visa à inserção de menores aprendizes no mercado de trabalho; a Educação Solidária, cujo objetivo é capacitar colaboradores e aprendizes em programas voluntários; e o projeto Começar de Novo, que consiste na contratação de egressos do sistema prisional, a fim de promover a cidadania e reduzir a reincidência criminal.

O programa

Produzido pelo Núcleo de Rádio e TV da Assessoria de Comunicação do Tribunal Superior Eleitoral (Ascom/TSE), o Conexão Eleitoral vai ao ar pela TV Justiça às segundas-feiras, às 19h30. As reprises ocorrem nos seguintes dias e horários: terças, às 21h; quintas, às 11h30; sextas, às 21h; sábados, às 4h30; e domingos, às 11h30.

O programa também está disponível na página da Justiça Eleitoral no YouTube.

 

AN/JB

Fonte Oficial: http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2019/Julho/lei-de-inelegibilidades-e-assunto-do-conexao-eleitoral.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

TSE confirma registro de prefeito reeleito de Monteirópolis (AL) em 2020 — Tribunal Superior Eleitoral

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou, na sessão plenária desta terça-feira (1º), o registro de …