Cinco ministros são esperados na Câmara nesta semana – Congresso em Foco

Cinco ministros do governo Bolsonaro devem participar de audiências públicas na Câmara nesta semana, com a retomada dos trabalhos após a recesso parlamentar. Nesta terça-feira (06), às 10h, o ministro de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Marcos Pontes, deve comparecer à Comissão de Trabalho para prestar esclarecimentos sobre a intenção do governo Bolsonaro de privatizar os Correios.

>Governo mudar medição do desmatamento é suicídio econômico, diz cientista

Pontes está no centro da mais recente polêmica do governo, em torno do questionamento dos dados de medição do desmatamento, que gerou a demissão de Ricardo Galvão, diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, Inpe. Nossa reportagem não conseguiu confirmar com o ministério a presença de Pontes na reunião, mas a participação foi confirmada, de acordo com a Comissão de Trabalho.

Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, é esperado nesta quarta-feira (07), em reunião conjunta das comissões de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia e de Meio Ambiente para explicar as mudanças que estão sendo desenhadas no Fundo Amazônia. O ministério do Meio Ambiente informou que a presença de Salles está confirmada na Câmara, às 10h.

Na última vez que esteve no Congresso, nas comemorações sobre o dia do Meio Ambiente, Salles foi hostilizado no plenário do Senado. Ele também é esperado no Senado, às 14h, para tratar do mesmo tema, mas o ministério ainda não confirmou a presença.

> Ministro do Meio Ambiente é vaiado no Senado, deixa o plenário e é chamado de fujão

Também na quarta-feira (07), a Comissão de Defesa do Consumidor vai ouvir os ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e da Agricultura, Tereza Cristina, para explicar as autorizações de novos produtos agrotóxicos feitas ao longo do ano de 2019. Os ministros foram convidados, mas segundo o autor do requerimento, deputado Felipe Carreira (PSB-PE), há compromisso de que eles irão comparecer.

A programação de ministros na Câmara é completada na quarta com a presença de Bento Albuquerque, do ministério de Minas e Energia, na comissão de Viação e Transportes. O tema da audiência é a política de preço do óleo diesel no país e também a política pública chamada de ‘cartão caminhoneiro’, anunciada pelo governo Bolsonaro em maio, após rumores sobre uma nova greve dos caminhoneiros.

>Agrotóxicos são inseguros para 78% dos brasileiros, diz pesquisa Datafolha

>Anvisa aprova marco regulatório dos agrotóxicos

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Toffoli conversa com senadores contrários ao impeachment – Congresso em Foco

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, foi ao Senado nesta quarta-feira …