Alcolumbre diz que em 15 dias PEC dos estados na Previdência é aprovada – Congresso em Foco

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), prometeu a governadores que a PEC (Proposta d e Emenda Constitucional) que inclui os estados na reforma da Previdência será aprovada em 15 dias. A informação foi dada nesta terça-feira pelo governador Ibaneis Rocha (MDB-DF).

“Segundo a colocação do presidente do senado em reunião com alguns dos governadores ele disse que há possibilidade de aprovar essa PEC paralela no prazo de 15 dias no Senado Federal”, disse Ibaneis.

>Maia e Bolsonaro negociam reforma tributária em única proposta

> Por Previdência, Alcolumbre reúne-se com governadores do Piauí e Goiás

Representantes das 27 unidades da federação reúnem-se nesta terça para tratar das reformas da Previdência e tributária. Terminada a reunião eles vão se encontrar com Alcolumbre e entregar uma carta que defende a inclusão dos estados na reforma da Previdência.

No dia 12 de julho, a Câmara dos Deputados aprovou a reforma da Previdência em 1º turno, mas sem incluir estados e municípios. No entanto, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), disse que no Senado será criada uma PEC (Projeto de Emenda à Constituição) paralela para incluir os estados na reforma.

“Trazer para assembleias em ano eleitoral em outros estados [Distrito Federal não tem eleição municipal] será quase impossível”, disse o governador do MDB, que também pediu que “Congresso Nacional presta solidariedade a esses estados”.

De acordo com Ibaneis, há governadores que defendem que os estados sejam incluídos no texto final da Previdência e não em uma PEC paralela. O governador Renato Casagrande (PSB-ES) é um deles.

> Governador do PT prepara reforma da Previdência no Piauí

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Weintraub fala sobre “plantação de maconha nas universidades” na Câmara. Veja ao vivo – Congresso em Foco

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, presta esclarecimentos à Comissão de Educação da Câmara dos …

Alcolumbre diz que em 15 dias PEC dos estados na Previdência é aprovada – Congresso em Foco

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), prometeu a governadores que a PEC (Proposta d e Emenda Constitucional) que inclui os estados na reforma da Previdência será aprovada em 15 dias. A informação foi dada nesta terça-feira pelo governador Ibaneis Rocha (MDB-DF).

“Segundo a colocação do presidente do senado em reunião com alguns dos governadores ele disse que há possibilidade de aprovar essa PEC paralela no prazo de 15 dias no Senado Federal”, disse Ibaneis.

>Maia e Bolsonaro negociam reforma tributária em única proposta

> Por Previdência, Alcolumbre reúne-se com governadores do Piauí e Goiás

Representantes das 27 unidades da federação reúnem-se nesta terça para tratar das reformas da Previdência e tributária. Terminada a reunião eles vão se encontrar com Alcolumbre e entregar uma carta que defende a inclusão dos estados na reforma da Previdência.

No dia 12 de julho, a Câmara dos Deputados aprovou a reforma da Previdência em 1º turno, mas sem incluir estados e municípios. No entanto, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), disse que no Senado será criada uma PEC (Projeto de Emenda à Constituição) paralela para incluir os estados na reforma.

“Trazer para assembleias em ano eleitoral em outros estados [Distrito Federal não tem eleição municipal] será quase impossível”, disse o governador do MDB, que também pediu que “Congresso Nacional presta solidariedade a esses estados”.

De acordo com Ibaneis, há governadores que defendem que os estados sejam incluídos no texto final da Previdência e não em uma PEC paralela. O governador Renato Casagrande (PSB-ES) é um deles.

> Governador do PT prepara reforma da Previdência no Piauí

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Weintraub fala sobre “plantação de maconha nas universidades” na Câmara. Veja ao vivo – Congresso em Foco

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, presta esclarecimentos à Comissão de Educação da Câmara dos …