Governadores querem BNDES fora da gestão do Fundo Amazônia – Congresso em Foco

Os governadores da Amazônia Legal querem que a competência de administrar o Fundo Amazônia deixe de ser do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e  passe para o Banco da Amazônia (Basa). A demanda consta da carta elaborada pelos chefes dos executivos estaduais durante a reunião do Fórum de Governadores da Amazônia Legal (que engloba os estados do Norte e Mato Grosso), que ocorreu em Palmas no último fim de semana.

>Fundo Amazônia: governadores entram na briga pelos recursos

A justificativa é que o Basa tem mais proximidade com a realidade amazônica e por isso pode fazer a aplicação dos recursos de forma mais eficiente. Wilson Lima, governador do Amazonas, criticou que o poder de decisão sobre o destino dos investimentos seja feito atualmente por “técnicos que nunca pisaram na Amazônia” .

“É inadmissível que técnicos que nunca pisaram na Amazônia e que estejam focados em outras prioridades estejam avaliando projetos ou decidindo como é que esses recursos vão ser aplicados. Daí a necessidade dos governadores, daí a necessidade da sociedade civil organizada da Amazônia ter protagonismo nesse processo decisório de como esses recursos serão investidos”, afirmou o governador durante o encontro.

Na carta que foi enviada ao presidente Jair Bolsonaro, os governadores ainda demonstram preocupação com a perspectiva de mudanças na gestão do fundo. “Apoiamos a manutenção da estrutura de governança do fundo pela importância estratégica que representa para os Estados Amazônicos e manifestamos a preocupação com as recentes proposições de alteração nas diretrizes e governança do Comitê Orientador do Fundo Amazônia (COFA)”, diz o documento.

Na primeira semana de julho, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, se encontrou com os embaixadores da Noruega, Nils Martin Gunneng, e da Alemanha, Georg Witschel, dois países financiadores do fundo. Salles declarou à imprensa que as minutas das propostas de alteração para o fundo seriam apresentadas nas próximas semanas. Nesta quarta-feira (7), Salles deve comparecer pela manhã a reunião conjunta das comissões de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia e de Meio Ambiente para explicar as mudanças que estão sendo desenhadas no Fundo Amazônia.

Veja a íntegra da Carta dos Governadores da Amazônia Legal.

>Fundo Amazônia: deputados enviam carta de apoio às embaixadas da Noruega e Alemanha

>TCU vai apurar possível “ineficiência” da gestão de Salles no Meio Ambiente

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

PSL dá 41 dos 83 votos contra urgência para abuso de autoridade; leia lista – Congresso em Foco

PSL deu quase metade dos votos contrários a urgência do abuso de autoridade Reprodução/Facebook Reprodução/Facebook …