Ortotrauma alerta para aumento de acidentes de trânsito durante finais de semana e feriados

D R T . R J . 15855.Ivomar Gomes Pereira.

O Complexo Hospitalar de Mangabeira Governador Tarcísio de Miranda Burity (Ortotrauma) realizou 66.128 atendimentos e quase 9 mil cirurgias, desde janeiro deste ano. Do total, 85% foram em decorrência de acidentes no trânsito. Dados do Ministério da Saúde mostram que os acidentes no trânsito deixaram mais de 1,6 milhão de brasileiros feridos nos últimos dez anos, o que representa um custo de cerca de R$ 2,9 bilhões para o Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com a direção do Complexo Hospitalar, os números crescem durante finais de semana e feriados, principalmente pelo consumo de bebidas alcoólicas associado ao não uso de equipamentos de segurança. Entre os dias 1º e 10 de setembro, foram realizados mais de 2,5 mil atendimentos e 315 cirurgias entre procedimentos de urgência e eletivos.

“Para este mês de setembro já estávamos com a reforma do nosso bloco cirúrgico de ortotraumatologia agendada e algumas cirurgias eletivas precisaram ser suspensas, mas junto a isso, tivemos um final de semana e feriado com aumento de nossos atendimentos e a principal causa de entrada no serviço foi de envolvimento em acidentes de trânsito, o que aumenta ainda mais a demanda recebida no hospital”, comenta a diretora-geral do Ortotrauma, Fabiana Fernandes.

Em 2018, o Complexo Hospitalar atendeu 103.418 pacientes, sendo 76.400 de João Pessoa e 26.672 de outros municípios, realizando mais de 6.500 cirurgias. Do total, 90% dos casos foram de vítimas de acidentes de trânsito envolvendo moto e com necessidade de cirurgia de urgência.

“É preciso que as pessoas criem uma maior consciência sobre os riscos de álcool e direção, ou digitar e dirigir, que são as principais causas dos acidentes que acontecem ultimamente. Os prejuízos são muito maiores quando se envolve a saúde, mas as pessoas infelizmente pensam apenas na multa e na soma de pontos na carteira, mas isso são apenas medidas de advertência para chamar a atenção dos condutores”, alerta o secretário de saúde de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio.

Dados – O Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) de 2018 aponta que as pessoas com idade entre 25 e 34 anos (25,1%) são as que mais assumem esse comportamento de risco no trânsito.

Até 2016, dirigir usando o celular era uma infração média, mas a quantidade de acidentes levou à alteração do Código de Trânsito Brasileiro, e agora a infração é gravíssima. O descumprimento da norma representa perda de sete pontos na carteira e multa de R$ 293,47.

Ortotrauma – A unidade hospitalar é referência no Estado da Paraíba em cirurgia de urgência e emergência de áreas abaixo do cotovelo e abaixo do joelho, conforme pactuação firmada com o Ministério da Saúde. Além disso, também realiza pequenas cirurgias sem internamento, consultas, exames laboratoriais e por imagem e atende urgências psiquiátricas por meio do Pronto Atendimento em Saúde Mental (Pasm).

Nos últimos anos, a unidade hospitalar aumentou sua capacidade cirúrgica em 100%, realizando uma média de 5.000 cirurgias anualmente.

Fonte: http://www.joaopessoa.pb.gov.br/ortotrauma-alerta-para-aumento-de-acidentes-de-transito-durante-finais-de-semana-e-feriados/.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Rua da Cidadania do Cajuru retoma o Encontro dos Artistas – Prefeitura de Curitiba/PR

    Recomeça nesta quinta-feira (25/10), às 19h, no auditório da Rua da Cidadania do …