Centro de ensino para estudantes com autismo já atende 219 famílias – Prefeitura de Curitiba/PR

 

O Movimento no Centro de Ensino Estruturado para o Transtorno do Espectro Autista (CEETEA), primeiro do Brasil nesse modelo, tem sido intenso desde a inauguração, em 18 de setembro. Já foram convocadas para entrevista 219 famílias. O local tem capacidade para 300 atendimentos ao mês.

“Nossa metodologia é única, desenvolvida pela nossa equipe”, explicou a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila. No centro, além de atender a criança, a família recebe todo apoio e orientações necessários por meio da Escola de Pais. “É uma iniciativa que aproxima a equipe da secretaria e as famílias. É um espaço destinado a tirar dúvidas, conversar, compartilhar situações do dia a dia”, disse Maria Sílvia.

São 15 profissionais que atuam diretamente no CEETEA. O centro tem seis salas para atendimento individual ou de pequenos grupos, além de uma sala para a Escola de Pais e outra para formações profissionais.

A seleção das crianças é feita pela equipe do Departamento de Inclusão e Atendimento Educacional Especializado. Eles frequentam as atividades no contraturno escolar.

Davi Gonçalves de Oliveira, 5 anos, estudante da Escola Municipal CEI Bela Vista do Paraíso (Santa Cândida), foi um dos primeiros a receber atendimento no centro. A mãe dele, Simone dos Santos, conta que o menino é tímido, mas se sentiu acolhido e já está à vontade.

“Essas alterações na rotina do meu filho são desafiadoras para ele, mas aqui percebo que ele se sente muito bem”, relatou Simone.

A rede municipal tem 1,1 mil estudantes com Transtorno do Espectro Autista. Os estudantes em inclusão – com TEA, síndrome de Down, paralisia cerebral – são 2,5 mil entre os 140 mil matriculados em Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e escolas municipais.

Modalidades

A diretora do Departamento de Inclusão e Atendimento Educacional Especializado, Gislaine Coimbra Budel, explica que a secretaria oferece 15 modalidades de atendimento especializado a estudantes em processo de inclusão, o que permite que cada um seja atendido com equidade, conforme suas necessidades.

“As crianças passam por uma série de avaliações que servirão de base para a elaboração do plano de atendimento educacional especializado”, afirma Gislaine.

Serviço

O CEETEA funciona no 9º andar do Edifício Delta, sede da Secretaria Municipal da Educação (Avenida João Gualberto, 623, bairro Alto da Glória). Telefone: 3350 3119.

Fonte Oficial: https://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/centro-de-ensino-para-estudantes-com-autismo-ja-atende-219-familias/52939.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Plano Diretor: Smams reúne-se com Conselho de Arquitetura

Dando continuidade aos encontros com representantes das entidades com cadeira no Conselho Municipal de Desenvolvimento …