Violência doméstica e transversalidade de gênero – Jornal do Comércio

A obra é uma adaptação da dissertação de mestrado de Ricardo Neto, defendida em 2010, em São Paulo. O livro reflete sobre as alterações na legislação nacional e na jurisprudência, demonstrando que o caminho inicialmente alertado pela dissertação original realmente era o que tenderia a ocorrer, em um sentido de minimização da discrepância de gênero, sem, no entanto, fugir de preceitos básicos normativos do Direito Penal. Na respectiva obra, o leitor encontrará doutrina, conteúdo amplo, didático e atualizado até 2019.



Fonte Oficial: https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/cadernos/jornal_da_lei/2019/09/704128-violencia-domestica-e-transversalidade-de-genero.html.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

A causa de aumento de pena do art. 327, § 2º, do CP não se aplica para dirigentes de autarquias – Dizer o Direito

terça-feira, 1 de outubro de 2019 Imagine a seguinte situação hipotética: João, diretor do Detran …