Metas: TJMT apresenta dados – Portal CNJ

Um panorama sobre o cumprimento de metas do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para 2019, a produtividade das varas, taxa de congestionamento, correição remota, foro extrajudicial e assistência judiciária gratuita por comarca foram alguns dados apresentados pelo corregedor-geral da Justiça, desembargador Luiz Ferreira da Silva, aos magistrados do Polo IX, composto por Barra do Garças, Novo São Joaquim, Nova Xavantina, Campinápolis, Água Boa, Canarana e Torixoréo.

O encontro ocorreu na segunda-feira (30/9), no Fórum de Barra de Garças (a 509 km de Cuiabá), dentro do programa Corregedoria Presente. O corregedor, acompanhado dos juízes auxiliares Edleuza Zorgetti Monteiro da Silva, Otávio Vinicius Affi Peixoto e Gerardo Humberto Alves Silva Junior, pode orientar e interagir com os magistrados no intuito de melhorar cada vez mais os serviços da justiça prestados aos cidadãos mato-grossenses.

Também foi apresentada e entregue para uso aos magistrados a ferramenta Omni, um sistema que dispõe de painéis inteligentes dando uma visão gerencial, com informações importantes, como o percentual da taxa de congestionamento, do cumprimento de metas, quantidade de processos conclusos, entre outros.

O diretor do Fórum de Barra do Garças, Michell Lotfi Rocha da Silva, anfitrião da comitiva avaliou que a iniciativa da Corregedoria-Geral da Justiça de apresentar um verdadeiro Raio-X para os magistrados é muito positiva. “A vinda do corregedor e dos juízes auxiliares demonstra que temos um esteio, que podemos contar. Não é apenas aquela figura punitiva e uma visita de aproximação”.

“Com essa exposição de dados fica claro para o juiz onde a Vara está bem, onde precisa melhorar”, afirma. “Temos duas varas cíveis em Barra e vimos que superamos a meta 2, que é julgar processo mais antigos, e estamos bem na meta 1, julgar mais processos que os distribuídos”, cita. “A ferramenta é muito intuitiva e fácil de manusear. Será um avanço”, comemora o magistrado.

Barra do Garças foi o quinto polo visitado pela Corregedoria. O programa teve início em Cáceres (28/08), passou por Diamantino (2/9), Primavera do Leste (12/9), Várzea Grande (17) e Cuiabá (18). O sexto polo que receberá o Programa Corregedoria Presente será o de São Félix do Araguaia (1º/10) e o sétimo Alta Floresta (2/10).

Fonte: TJMT

Fonte Oficial: https://www.cnj.jus.br/metas-tjmt-apresenta-dados-a-magistrados/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=metas-tjmt-apresenta-dados-a-magistrados.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Audiências de custódia serão realizadas em Pacaraima

Ainda como resposta à situação de conflitos em Pacaraima, fronteira com a Venezuela, representantes do …