Eduardo Bolsonaro acusa colegas do PSL de fazerem denúncias falsas contra ele – Congresso em Foco

Em novo episódio da guerra interna do PSL, o deputado Eduardo Bolsonaro (SP) acusou colegas de partido de abastecerem jornalistas com denúncias falsas contra ele. Empossado como líder da bancada na Câmara esta semana, o filho do presidente se manifestou nas redes sociais nesta sexta-feira (25) para rebater uma reportagem da revista IstoÉ que levanta a suspeita de que sua viagem de lua de mel foi bancada com recursos do fundo partidário. “Meus inimigos querem me nivelar com eles”, escreveu no Twitter.

Ele anunciou que vai processar a revista e o autor da reportagem.

Eduardo Bolsonaro também fez uma live no Instagram na qual atacou parlamentares do PSL que pedem a sua destituição do diretório paulista e a sua expulsão do partido, como os deputados Junior Bozzella, Joice Hasselmann e Abou Anni e o senador Major Olimpio.

“Nada me tira da cabeça, não estou acusando a Joice, que alguns desses desafetos estejam plantando essas materiazinhas na imprensa para dizer que a família do presidente se dá bem com dinheiro público”, afirmou. Veja o vídeo:

A reportagem de IstoÉ afirma que a advogada Karina Kufa, contratada pelo PSL a pedido de Eduardo, foi a responsável por acertar os detalhes da viagem do filho do presidente, que se casou em 25 de maio no Rio com a psicóloga Heloisa Wolff. Após o casamento, o casal viajou para as Ilhas Maldivas. A revista, porém, não apresentou provas da denúncia. Baseou-se em relatos de fontes não identificadas.

Joice no alvo

A deputada Joice Hasselmann foi o principal alvo de Eduardo no vídeo. “Muita gente na imprensa quer atrapalhar o governo. Então, espaço aberto para a Joice, senhora amargurada que tomou um pé na bunda depois de sair da liderança do governo porque não conseguia seguir as ordens do presidente. Se ela se acha tão melhor que o presidente… candidate-se, Joice, e na próxima campanha eleitoral você vencerá com pé nas costas, não só a prefeitura de São Paulo como, certamente, a Presidência da República”, criticou.

O líder do PSL acusou Joice de fazer de tudo pelo plano pessoal de ser prefeita de São Paulo. “As pessoas adoram esse estilo de pessoa, egocêntrica, vaidosa, que se acha acima dos outros, pisa em qualquer um para chegar ao seu objetivo. O seu objetivo, Joice, não é agradar ao seu eleitor ou o Brasil. O seu objetivo é um plano pessoal de poder, faz de tudo para ser a prefeita de São Paulo”, disparou.

O deputado disse que a colega não é confiável por andar com o governador paulista, João Doria (PSDB), e lembrou que o tucano declarou nesta semana apoio à reeleição do prefeito Bruno Covas, que era seu vice. “Tenho dó de você”, provocou. Eduardo desistiu esta semana da indicação ao cargo de embaixador brasileiro nos Estados Unidos. Segundo ele e o seu pai, será mais útil em Brasília para pacificar o partido. Pesquisa do Painel do Poder, do Congresso em Foco, no entanto, apontava que eram pequenas as chances de aprovação de seu nome no Senado.

> Vídeo exclusivo: Eduardo Bolsonaro corre para fugir da imprensa na Câmara

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Lula vai avaliar candidatura do PT em SP somente após Congresso do partido – Congresso em Foco

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) só vai se debruçar sobre a intenção …