General Heleno nega que Bolsonaro possa decretar novo AI-5 – Congresso em Foco

Em audiência pública na Câmara, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, general Augusto Heleno, garantiu que não há qualquer possibilidade de que sejam adotadas medidas extremas, como “regimes ditatoriais, autoritarismos e exorbitâncias”, pelo governo de Jair Bolsonaro. O ministro vinha sendo publicamente criticado por declaração apoiando Eduardo Bolsonaro na defesa do retorno de um AI-5.

> Presidentes do Senado e da Câmara repudiam fala de Eduardo sobre AI-5

“O governo Bolsonaro defende a legalidade e o respeito entre as instituições. Qualquer crise social tem que ser resolvida apenas com o uso dos instrumentos constitucionais”, disse Heleno.

“Se pegarem a reportagem, vão ver que a primeira coisa que eu disse é que qualquer sugestão teria que ser estudada. Em nenhum momento me coloquei a favor do AI-5. O AI-5 foi editado em uma conjuntura totalmente diferente da atual”, reforçou o ministro.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que classificou como repugnante a declaração do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) sobre a possível volta do AI-5, também criticou o posicionamento do ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, que respondeu Eduardo dizendo que “tem de estudar como vai fazer” isso. Maia lamentou o fato de o general ter se transformado em “um auxiliar do radicalismo” de Olavo de Carvalho e disse que Heleno pode ser convocado pela Câmara para prestar esclarecimentos sobre o “novo AI-5”.

AI-5: Eduardo não se desculpa na Câmara e pede debate sobre 1964

*Com informações da Agência Câmara

Campanha do Congresso em Foco no Catarse

Continuar lendo em Congresso em Foco.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Haddad acompanha Lula em ato político no Recife no domingo – Congresso em Foco

A presidente do PC do B e governadora interina de Pernambuco, Luciana Santos, recepcionará Lula …