Itamaraty foi avisado da invasão à embaixada da Venezuela, diz Rogério Carvalho — Senado Notícias

Em discurso nesta segunda-feira (18), em Plenário, o senador Rogério Carvalho (PT-SE) comunicou que protocolou dois requerimentos: um de convocação do ministro das Relações Exteriores, chanceler Ernesto Araújo, e o outro da convidada Maria Teresa Belandria, reconhecida pelo governo brasileiro como a embaixadora do autoproclamado presidente da Venezuela, deputado Juan Guaidó.

Para Rogério Carvalho, a presença de ambos na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) será oportuna, para que eles prestem esclarecimentos sobre a invasão da embaixada da República Bolivariana da Venezuela, no último dia (13). De acordo com o parlamentar, é preciso saber se houve conivência por parte do governo brasileiro e se este violou o tratado de Viena, que garante imunidade aos corpos diplomáticos.

— Estamos aqui diante de uma situação gravíssima — você tem o Itamaraty informado de uma invasão a uma embaixada e o Itamaraty não toma nenhuma providência para preservar e cumprir todas as garantias e todos os tratados internacionais de que o Brasil é signatário (…). E o Brasil não só não protegeu o corpo diplomático venezuelano, como também integrantes do Itamaraty estavam lá para retirar o corpo diplomático legalmente constituído da Venezuela — afirmou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2019/11/18/itamaraty-foi-avisado-da-invasao-a-embaixada-da-venezuela-diz-rogerio-carvalho.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

CRE analisa projeto que endurece regras para uso de aviões da FAB — Senado Notícias

O uso de aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) poderá ter regras mais rígidas. Um …