Centenário de nascimento do ministro Djaci Falcão é celebrado em sessão solene e exposição no STF – STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) realiza sessão solene nesta quinta-feira (21), às 17h, em homenagem ao centenário de nascimento do ministro Djaci Falcão. Após a solenidade, será aberta, no Hall dos Bustos, no edifício sede do STF, exposição que reúne fotos e documentos do ministro homenageado.

A celebração marca a retomada das exposições comemorativas organizadas pela Secretaria de Documentação do STF sobre centenários de nascimento de ministros da Suprema Corte. O ministro Djaci Falcão nasceu em 4 de agosto de 1919 e faleceu, de causas naturais, no dia 26 de janeiro de 2012.

Perfil

Natural da cidade de Monteiro, na Paraíba, Djaci Falcão foi ministro do Supremo Tribunal Federal por 22 anos, e ocupou a cadeira de número sete. Ele assumiu o cargo em 22 de fevereiro de 1967, na vaga aberta em decorrência da aposentadoria do ministro Antônio Martins Vilas Boas, e nele permaneceu até 26 de janeiro de 1989, quando foi sucedido pelo ministro Paulo Brossard. Presidiu a Suprema Corte no biênio de 1975/1977 e, pouco antes, também presidiu o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Graduado pela Faculdade de Direito do Recife, Djaci Falcão chegou à Presidência de todos os tribunais que integrou ao longo de sua vida na magistratura, como o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJ-PE) e o Tribunal Regional Eleitoral do mesmo estado (TRE-PE).

AR/EH

Fonte Oficial: http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=430372.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Fiscalização de recolhimento de recursos de cartórios para fundo do MP-RN é inconstitucional – STF

Em decisão unânime, o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou inconstitucional dispositivos da Lei 9.419/2010 do …