Senado oferece conteúdo gratuito em site sobre o concurso de 2020 — Senado Notícias

Os interessados em prestar o concurso do Senado Federal previsto para 2020 terão apoio da própria Casa para se preparar. A banca examinadora e o edital ainda não foram definidos, mas a Secretaria de Transparência (STrans), em parceria com a Comissão Organizadora do certame, criou um site com conteúdo gratuito e informações relevantes. (Clique aqui para acessar)

Entre as opções, estão: cursos e videoaulas do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB), ofertados por meio da plataforma Saberes; a Constituição Federal na íntegra em formato de texto e áudio; publicações da Livraria do Senado sobre regimentos internos, licitações, etc; e informações técnicas sobre o concurso anterior, de 2012.

O certame autorizado para este ano abrirá 40 vagas para a Casa. Do total, 24 serão de nível médio para o cargo de técnico de policial legislativo, enquanto as demais exigirão nível superior para o cargo de analista legislativo nas especialidades de direito, administração, arquivologia, assistência social, contabilidade, enfermagem, informática legislativa, processo legislativo, registro e redação parlamentar, engenharia do trabalho e engenharia eletrônica e telecomunicações.

— Temos por obrigação legal divulgar ações sobre o concurso, mas fomos além da parte burocrática. Agregamos materiais que podem ajudar pessoas de diversas classes sociais, que por vezes não podem pagar por cursinhos preparatórios — ressaltou Thiago Cortez Costa, assessor técnico da STrans.

Thiago destaca que, como todo o conteúdo já fazia parte do acervo da Casa, não houve custo adicional para criar o site. Outro ponto salientado sobre a ferramenta é o uso de instrumentos para permitir que pessoas com deficiência acessem os conteúdos sem restrições. O site pode ser lido por um aplicativo que traduz as informações para a Linguagem Brasileira de Sinais (Libras) e tem recursos de áudio e coloração para deficientes visuais. As fontes das palavras também podem ser alteradas para facilitar a leitura de concursandos com dislexia.

Para o trimestre

O vice-presidente da Comissão Organizadora, Kleber Minatogau, da assessoria técnica da Diretoria Geral (DGer) do Senado, adianta que a formação da banca examinadora, a confecção do edital e todos os detalhes que compõem o projeto de base do concurso serão finalizados até o final de março. Ele explica que a demora para uma definição — a autorização saiu em outubro de 2019 — se deve ao cuidado nos preparativos.

— De 2012 para cá, tivemos leis novas sobre cotas para negros e atualizações de outras já existentes. Então tivemos o trabalho de revisar a legislação e interpretar isso. Em dezembro do ano passado reunimos bancas de todo o país em uma audiência pública e trocamos ideias sobre como selecionar os cotistas, preparar os espaços, etc. A intenção é resolver tudo o quanto antes — detalhou Kleber.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/01/20/senado-oferece-conteudo-gratuito-em-site-sobre-o-concurso-de-2020.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Veneziano propõe valorização de Libras em concursos públicos — Senado Notícias

O Projeto de Lei (PL) 6.036/2019, do senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB), determina que candidatos …