Humberto Costa sugere que Bolsonaro demita ministro da Educação — Senado Notícias

O senador Humberto Costa (PT-PE) sugeriu ao presidente Jair Bolsonaro, nesta terça-feira (4), em Plenário, que demita o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

O senador afirmou que se isso não acontecer brevemente, ele espera, ao menos, que o ministro consiga explicar no Senado o que motivou os erros na correção das provas do Enem. Segundo Humberto, os equívocos desacreditaram o exame e o transformaram em pesadelo para os estudantes que sonham em ingressar no ensino superior.

Para o senador pernambucano, a educação, na administração de Jair Bolsonaro, sofre com retrocessos que se manifestam por meio da cruzada contra o pensamento, da negação da ciência, da interferência na pesquisa e do desmonte de universidades públicas e políticas públicas adotadas em governos anteriores.

— Recente comissão externa da Câmara dos Deputados constatou que o ministério não tem sequer um planejamento estratégico, não tem um cronograma para suas ações. Que o Fundeb de 2020, ano em que se esgota a sua validade, não tem uma proposta elaborada pelo governo, por parte do Ministério da Educação, para a sua renovação — disse.

Na opinião de Humberto Costa, Weintraub não atua com a responsabilidade exigida pelo cargo, usando o seu tempo para promover ataques e disseminar ideias falsas e insanas nas mídias sociais.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/02/04/humberto-costa-sugere-que-bolsonaro-demita-ministro-da-educacao.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Projetos buscam ampliar seguro-desemprego para enfrentar crise — Senado Notícias

A taxa de desemprego no Brasil passou de 11,2% para 12,6% entre janeiro e abril. …