Congresso edita ato para normatizar sessão remota desta quinta — Senado Notícias

A Presidência do Congresso Nacional editou ato conjunto da Mesa do Senado e da Mesa Câmara: ATN 2/2020. Esse ato que normatiza a sessão deliberativa remota convocada para esta quinta-feira (2), que terá duas partes: uma às 11h, para os deputados federais, e outra às 17h, para os senadores. Os membros de cada Casa acessarão a votação remota por meio dos respectivos sistemas de deliberação remota.

A sessão terá um único item na pauta: o Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) 2/2020, que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para inserir critérios que podem impedir a execução obrigatória de emendas parlamentares individuais ou de bancada. O projeto regulamenta a execução de emendas impositivas para realocar recursos, destinando-os às ações de combate à pandemia de coronavírus nos estados e municípios.

O ato publicado nesta quarta-feira (1º) no Diário do Congresso Nacional considera a necessidade de deliberação pelas duas Casas do Congresso Nacional sobre projetos de lei relativos a matéria orçamentária, mas não necessariamente em uma sessão conjunta; leva em conta também as “distintas abordagens tecnológicas” adotadas pela Câmara e pelo Senado em seus respectivos sistemas de votação remota.

O ato também será publicado nesta quinta-feira (2) no Diário Oficial da União (DOU).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/04/01/congresso-nacional-edita-ato-para-normatizar-sessao-deliberativa-remota.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Cobertura de quimioterapia de uso oral em casa pode se tornar obrigatória; texto vai à Câmara — Senado Notícias

Planos de saúde poderão ser obrigados a cobrir quimioterapia de uso oral registrado na Anvisa …