Repositório de Dados Eleitorais reúne informações das eleições desde 1945 — Tribunal Superior Eleitoral

Qualquer pessoa pode acessar as informações de candidatos e de políticos eleitos, disponibilizadas no Repositório de Dados Eleitorais do Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O banco de dados reúne informações das eleições de 1945 até 2018 e oferece arquivos que podem ser baixados por meio de softwares estatísticos.

Organizado pela área de Estatística do TSE, o banco existe desde 2009 e é uma importante ferramenta de transparência das informações geridas pela Justiça Eleitoral, além de possibilitar respostas mais rápidas a qualquer interessado. Seus dados são atualizados periodicamente, de forma a refletir todas as retotalizações ocorridas.

Algumas informações – como o perfil do eleitorado por gênero e faixa etária – somente passaram a ser monitoradas a partir de 1994. Os dados sobre prestações de contas partidárias estão disponíveis desde 2002, e os de prestações de contas eleitorais a partir de 2017.

As informações são acessadas com frequência por jornalistas, estudantes e advogados, que utilizam os dados para suas pesquisas sobre resultado das eleições, comparecimento e abstenção, eleitorado, partidos políticos, prestação de contas eleitorais e partidárias, processos e pesquisas eleitorais.

O TSE disponibiliza apenas os dados brutos. Qualquer consulta, filtro ou cruzamento é de responsabilidade do pesquisador. Portanto, é importante ler o arquivo de instruções de formatação das tabelas para fazer as importações e consultas de forma adequada.

Conheça mais sobre o Repositório de Dados Eleitorais.

MC/LC, DM

Fonte Oficial: http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2020/Abril/repositorio-de-dados-eleitorais-reune-informacoes-das-eleicoes-desde-1945.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

termina nesta quinta (14) prazo para que eleitor justifique ausência ao 1º turno — Tribunal Superior Eleitoral

Nesta quinta-feira (14), termina o prazo para que o eleitor justifique sua ausência à votação …